Marque na agenda. 19 de maio na Altice Arena, em Lisboa. Os Excesso (sim, Carlos também) voltam a reunir-se, 20 anos depois do fim da banda, para um último (e único) concerto. A novidade foi anunciada pelos cinco elementos da banda numa reportagem no "Jornal da Noite" da SIC, esta segunda-feira, 19 de dezembro.

Sem Carlos, que está a viver na Austrália (mas que em breve regressa a Portugal para a preparação do concerto), Gonzo, Duck, Melão e João Portugal explicaram porque é que este regresso acontece em 2023. "Às vezes um falava, o outro falava para nos juntarmos mas nunca tinha surgido essa oportunidade", diz Gonzo. "Para matar saudades, para fechar um círculo que deixámos em aberto e, acima de tudo, para também celebrarmos com quem merece", acrescenta Duck.

Ex-Excesso Fernando Melão volta a participar no "Big Brother Famosos"
Ex-Excesso Fernando Melão volta a participar no "Big Brother Famosos"
Ver artigo

"Acho que vai ser um grandioso concerto, vamos fazer os possíveis para que isso aconteça. Vai ser uma retrospetiva do passado num formato mais atual. O resto vai ficar para dia 19", explica João Portugal. Quanto às coreografias, uma das marcas da banda nas atuações ao vivo, Duck explica que os elementos da banda já experimentaram dançar mas que a equipa, desta vez, vai contar com "médicos, fisioterapeutas e tudo mais".

Os Excesso surgiram em 1997 em terminaram em 2002. Êxitos como "Eu sou Aquele", "Não sei viver sem ti" ou "És Loucura" foram fenómenos ímpares de popularidade no final da década de 1990. Discos de platina, centenas de concertos esgotados e legiões de fãs, num fenómeno sem comparação em Portugal. O concerto chamar-se-á "Até ao Fim", nome do último álbum da banda. Bilhetes já estão à venda. Preços começam nos 25€ e vão até aos 160€.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.