Esta terça-feira, 14 de junho, pelas 23h22 (em Lisboa), olhe pela janela. A partir desta hora irá encontrar uma super Lua — fenómeno que ocorre quando a Lua está em fase de Lua Cheia e atinge a máxima aproximação da Terra, parecendo gigante e mais brilhante —, sendo a primeira vez que tal acontece em 2022.

É, por isso, uma oportunidade imperdível para ver um luar intenso (algo que acontece apenas "duas a quatro vezes por ano", de acordo com Cláudio Melo, astrónomo na agência espacial portuguesa Portugal Space ao "Público"), não só por ser a primeira desde que começou o ano, como pelo facto de vir a combinar com um fruto da época: o morango.

Ler o horóscopo? Ultrapassado. O que está a dar é usar o seu signo com a nova coleção da Parfois
Ler o horóscopo? Ultrapassado. O que está a dar é usar o seu signo com a nova coleção da Parfois
Ver artigo

A Lua que vai iluminar o céu esta terça-feira à noite é chamada de super Lua de Morango ou super Lua rosa, não pela cor, mas porque assim foi denominada pelos índios norte-americanos que relacionaram as Luas cheias em maio e junho com as plantas rastejantes com flores rosa que aparecem nesta altura do ano, segundo o astrónomo Máximo Ferreira ao mesmo jornal.

As condições meteorológicas para esta terça-feira, 14, parecem favoráveis ao avistamento desta lua intensamente brilhante, estando previsto "tempo quente, com céu geralmente pouco nublado", de acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). É o cenário perfeito para ir à varanda aproveitar o calor enquanto vislumbra a primeira super Lua de 2022.

O fenómeno vai repetir-se mais duas vezes este ano, uma próxima a 13 de julho e outra a 12 de agosto.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.