É já no próximo sábado, 19 de maio, que acontece o casamento entre o Príncipe Harry e Meghan Markle. Se mal pode esperar pelo evento, a MAGG sugere-lhe algumas séries, filmes e documentários para que esteja a par de tudo o que envolve a família real britânica e não perder o fio à meada — e olhe que alguns dos conflitos retratados se assemelham àqueles que compõem os episódios mais importantes de "A Guerra dos Tronos".

"Um Príncipe de Natal"

Lançado em 2017 e com uma duração de quase duas horas, o filme "Um Príncipe de Natal" é uma comédia romântica que se tornou popular apesar de não existir consenso nos vários sites de críticas online — o IMDb atribui-lhe apenas cinco estrelas, em dez, enquanto que o Rotten Tomatoes coloca o filme com a pontuação de 83%, numa escala de 0 a 100%.

A história acompanha uma jovem jornalista norte-americana, interpretada por Rose McIver, que viaja até Inglaterra para uma conferência de imprensa acerca da tomada de posse do Príncipe Richard (Ben Lamp) após a morte do pai.

A jornalista é confundida com a nova tutora da Princesa, e aproveita a oportunidade para se infiltrar na corte e espiar a vida privada do príncipe. Mas tudo muda quando esta se apaixona por ele, marcando uma relação entre um membro da corte e alguém fora da linhagem real.

"The Windsors"

Com duas temporadas de oito episódios cada, "The Windsors" é uma sitcom britânica que tem como objetivo colocar a família real em situações absurdas e engraçadas como forma de sátira.

Num dos episódios, vários membros da corte chegam a juntar-se para um confronto ao estilo daqueles que acontecem em "The Hunger Games — Os Jogos da Fome", protagonizando um dos pontos altos de toda a série.

Claro que nada do que é retratado nesta produção britânica aconteceu de verdade, já que a produção prima por imaginar algumas da situações mais hilariantes que poderiam envolver a família real — sempre longe do escrutínio público.

"The Royal House of Windsor"

A série documental estreou pela primeira vez em 2017 apenas no Reino Unido, mas desde então que já foi comprada pela Netflix e é uma das produções mais completas para quem quiser estar a par do domínio da família real nos últimos 100 anos.

"The Royal House of Windsor" conta com uma temporada de seis episódios e mostra como os vários membros da coroa lidaram com as guerras, a mudança de valores na sociedade e o colapso da comunidade Britânica.

O que já se sabe sobre o casamento real
O que já se sabe sobre o casamento real
Ver artigo

Os produtores desta série são os mesmos que estão por trás da série que acompanha a vida de Meghan Markle até ao momento do casamento com o Príncipe Harry. "Meghan Markle: An Amercian Princess" tem estreia marcada para 11 de maio, dias antes do evento real.

"The Story of Diana"

A produção da ABC é composta por duas partes, e relata a vida da Princesa Diana até ao momento da sua morte, em 1997. "The Story of Diana" estreou em agosto de 2017 e coincidiu com as comemorações do 20.º aniversário da morte da princesa.

Meghan e Grace. De Hollywood para o palácio
Meghan e Grace. De Hollywood para o palácio
Ver artigo

O documentário conta com entrevistas exclusivas a algumas pessoas muito próximas da princesa, como o irmão, Charles Spencer, Richad Branson, Lana Marks, Wayne Sleep e India Hicks, prima de Príncipe Carlos, e tem como objetivo explorar a trágica morte de uma das figuras incontornáveis da família real, e a forma como o mundo lidou com a perda naquele que foi um dos momentos mais negros da família.

"The Crown"

A produção original da Netflix vai já na segunda temporada, que estreou em 2017, e conta a história de uma das figuras incontornáveis da realeza britânica. "The Crown" acompanha a vida de Isabell II, interpretada por Claire Foy, desde o início do reinado com apenas 25 anos de idade.

Aqui, há de tudo um pouco — desde intriga política ao mais simples mexerico entre criadas ou membros da realeza. Faz parte dos planos da equipa responsável pela produção da série estender a história até aos dias de hoje, sobre aquele que é já o reinado mais longo de toda a história da Inglaterra.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.