O projeto ainda está aberto a investidores, mas Francisco Pedro Balsemão sabe bem o que quer do espaço onde vai abrir o Hotel SIC, o novo projeto do grupo Impresa e da empresa de gestão de ativos hoteleiros Blueshift.

O presidente executivo do grupo Impresa revela que o hotel vai ter no mínimo 100 quartos, um restaurante e bar, idealmente com rooftop, e um lobby de grandes dimensões, assim como espaço para eventos e para o elemento mais diferenciador de todo o projeto, um estúdio de televisão a funcionar ao vivo.

“Quem entra no lobby do hotel fica imerso no mundo da televisão e pode ver o que se passa nos estúdios", explica ao "Expresso" Filipe Santiago, sócio administrador da Blueshif, que lembra que “é a primeira vez que uma estação de televisão dá origem a um hotel" e garante que "o nível de inovação vai ser fortíssimo”.

"Big Show SIC" deve estar de regresso e pode ter novo apresentador
"Big Show SIC" deve estar de regresso e pode ter novo apresentador
Ver artigo

A localização no centro de Lisboa é estratégica porque o estúdio, além de poder ser usado pelos hóspedes, vai funcionar em complemento com o de Paço de Arcos, onde ficam os estúdios da SIC.

Francisco Pedro Balsemão lembra ainda, em declarações à mesma publicação, que este é o momento para avançar com projetos "que valorizam a marca em outros domínios, como o turismo, que também está em grande crescimento”.

Daniel Oliveira. "Acreditamos que vamos ter mais Cristina do que alguma vez houve Cristina noutro programa"
Daniel Oliveira. "Acreditamos que vamos ter mais Cristina do que alguma vez houve Cristina noutro programa"
Ver artigo

O hotel nasce numa altura de mudança para o grupo que acaba de inaugurar oficialmente o seu novo edifício em Paço de Arcos. Nesta linha de inovação, o CEO do grupo gostaria que o Hotel SIC começasse a ser desenvolvido já em 2019, para poder abrir as portas em 2020.

O hotel vai funcionar numa parceria tripartida, na qual a SIC fornece os conteúdos temáticos (o que inclui cedência de material para um novo estúdio) e a BlueShift assegura a gestão em franchise. O terceiro elemento será o investidor, que ainda não foi encontrado. “Procuramos proprietários ou exploradores de hotéis em Lisboa que vejam neste projeto uma oportunidade de conversão das suas unidades para um conceito que é único, e que acreditamos que vai ter níveis de rentabilidade muito acima da média do mercado”, garante Filipe Santiago.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.