O planeta Marte entra este domingo, 30 de outubro, em movimento retrógrado no signo de Gémeos. Temos este movimento apenas uma vez de dois em dois anos. Desta vez será de dia 30 de outubro a 12 de janeiro de 2023.

Marte é vulcânico: a paixão emerge de forma espontânea e repentina. Marte é portanto um impulso de independência, autoafirmação, assertividade, ambição, agressividade, espontaneidade, potência, pioneirismo, egocentrismo e intolerância.

O seu lado Luminoso: Dinamismo, espírito empreendedor, audácia, força, coragem, apaixonado, sexualidade forte, decidido, determinado, consegue o que quer, voluntarioso, força de vontade, astúcia, destemido.

Novembro. As previsões de Inês Pereira Pina para os 12 signos do Zodíaco
Novembro. As previsões de Inês Pereira Pina para os 12 signos do Zodíaco
Ver artigo

O seu lado Sombra: Agressivo, bruto, espirito conflituoso, imprudência, estouvado, impaciente, inércia, autodestrutivo, sexualidade frustrada, pérfido, acessos de raiva gratuitos, fúria, intolerante, impotente, frustrado, cruel, tempestuoso.

Como se encontra no signo de Gémeos que corresponde à nossa qualidade de comunicação, de expressão, de raciocínio e até de como respiramos.

O que nos espera nestes meses de Marte retrógrado?

Uma inquietação interior e muita vontade de mudar tudo. As palavras saem como setas ásperas e sarcásticas. Falta de paciência e de concentração. Por isso não é de admirar se começar algo e não acabar, e começar outra coisa logo de seguida. Estamos mais intolerantes, inquietos, ansiosos, impacientes e claro imprevisíveis. Logo, os imprevistos acontecem com mais frequência.

Momento para rever estratégias e propósitos, não de os concretizar.

Momento para aprender a respeitar e respirar com o nosso corpo e mente para que os nossos sentimentos, pensamentos e ações sejam mais equilibrados, harmoniosos e fluidos.

Para uma avaliação mais aprofundada e específica do seu mapa natal, aconselha-se a marcação de uma consulta online através do site: https://sandramcosta.pt/consultas/consultas-de-astrologia/

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.