Num país em que os centros comerciais estão cheios o ano todo, era normal que após um encerramento de dois meses, no dia da reabertura houvesse grande movimento, mesmo estando o País ainda sob ameaça de uma pandemia. O que talvez não se esperasse era que a loucura fosse tão grande, em lojas que não vendem artigos de primeira necessidade, como lojas de roupa. Mas aconteceu.

Esta segunda-feira, 1 de junho, milhares de pessoas foram até ao Braga Parque e muitas formaram uma fila a perder de vista para conseguirem entrar na Primark. Nas imagens que podem ser vistas num vídeo partilhado pelo jornal "Correio da Manhã" podem ver-se várias pessoas na fila que vai em direção à loja, mas também se percebe que é cumprido o distanciamento social e há apenas alguns ajuntamentos entre pessoas.

Centros comerciais de Lisboa não devem reabrir a 1 de junho. Governo estuda medidas
Centros comerciais de Lisboa não devem reabrir a 1 de junho. Governo estuda medidas
Ver artigo

Recorde-se que os centros comerciais já têm permissão para abrir em todo o País, à exceção da Área Metropolitana de Lisboa, devido aos novos surtos de COVID-19 na região de Lisboa e Vale do Tejo. Para esta área o Governo vai reavaliar a data de 4 de junho para a reabertura dos centros comerciais em Lisboa.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.