A famosa golpista russa Anna Sorokin, que estava presa no centro de detenção de imigração do ICE (Immigration and Customs Enforcement) nos Estados Unidos, saiu da prisão onde estava detida. A mulher que se fez passar por uma falsa herdeira de uma família abastada alemã vai ficar em liberdade condicional após o pagamento da fiança (10 mil dólares).

O juiz de imigração Charles Conroy ainda acrescentou que a condenada vai ser monitorizada por um dispositivo eletrónico, podendo ser deportada dos Estados Unidos da América caso não cumpra com o que lhe é exigido.

“Inventing Anna” ou “Inventing Rachel”? Ex-amiga da famosa vigarista processa Netflix por difamação
“Inventing Anna” ou “Inventing Rachel”? Ex-amiga da famosa vigarista processa Netflix por difamação
Ver artigo

Esta história tornou-se conhecida através da minissérie da plataforma de streaming Netflix "Inventing Anna". Na obra de ficção do serviço, são abordados todos os esquemas feitos pela golpista. Desde fraude onde envolvia grandes quantidades de dinheiro até viver durante meses em hotéis de luxo em Manhattan sem pagar a conta.

A série foi lançada no início de 2022 e permaneceu, durante diversas semanas no top dos mais vistos da plataforma, tornando-se numa das séries mais vistas do serviço Netflix. Protagonizada pela atriz Julia Garner, que vai interpretar a cantora Madonna num filme biográfico que será lançado em breve, "Inventing Anna" tem nove episódios.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.