Esta segunda-feira, 6 de julho, J.K. Rowling voltou a ser alvo de críticas por parte da comunidade LGBTQ+. Agora, é a modelo transgénero Munroe Bergdorf que vem a público dizer o que pensa da autora da saga Harry Potter, após esta ter gostado de uma publicação que defendia o projeto de lei contra a proibição das terapias de conversão para pessoas LGBTQ+ no Canadá.

Ao se aperceber das polémicas em que Rowling tem estado envolvida, Munroe Bergdorf teceu duras criticas na sua página de Instagram: "Marquem as minhas palavras, J.K. Rowling é perigosa e representa uma ameaça para as pessoas LGBT", escreveu a modelo nas redes sociais. "Saúde trans não é terapia de conversão, isso é uma loucura", acrescentou.

Revolut lança novos cartões Pride para apoiar a comunidade LGBTI+
Revolut lança novos cartões Pride para apoiar a comunidade LGBTI+
Ver artigo

Também os atores dos filmes da saga Harry Potter e alguns colegas de profissão já se tinham manifestado contra a escritora, mas agora J.K. Rowling comparou a terapia hormonal e a cirurgia para jovens transexuais a "um novo tipo de terapia de conversão". No entanto, as terapias de reorientação sexual são conhecidas como métodos que podem variar de vergonha emocional ao uso de choques e vómito induzido para que se mude a orientação da pessoa em "tratamento".

Numa outra publicação no Instagram, a modelo e ativista transgénero foi ainda mais longe. "J.K. Rowling não é uma cientista. Não é médica. Não é especialista em género. Ela não apoia a nossa comunidade. Ela é uma mulher branca bilionária, cisgénero, heterossexual, que decidiu que sabe o que é melhor para nós e para os nossos corpos. Esta não é a luta dela", afirmou.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.