Portugal tem cada vez mais praias com Bandeira Azul, o valor  é "quase 15 vezes superior ao número de há 25 anos", segundo o presidente da Associação Bandeira Azul Europa (EBAE), José Archer, citado pela CNN Portugal, responsável que esta quinta-feira, 28 de abril, apresentou a lista das praias com Bandeira Azul em 2022.

Há praias novas na lista — Faial, em Vila Verde; Ronqueira, em Tábua; Azenhas Del Rey, no Alandroal (candidatas e vencedoras pela primeira vez); Ponte do Bico, em Braga; Aquário, no Porto; e Alqueva em Portel — e também reentradas, como a Praia Velha, na Marinha Grande, e outras 11 praias em Cascais: Guincho, Crismina, Rainha, Conceição, Moitas, Tamariz, Poça, S. Pedro do Estoril, Avencas, Parede, Carcavelos e ainda duas de rio, a Pampilhosa da Serra e Fernandaires.

Estas não são as únicas novidades num ano com 431 galardoados pela EBAE, dos quais 393 são praias distribuídas por 102 municípios. É também o facto de o número de praias fluviais a hastear Bandeira Azul estar em crescimento ao longo dos anos. "De realçar, mais um ano, o crescimento contínuo e seguro das praias fluviais, o que evidencia a aposta dos promotores na qualidade destas zonas balneares e das áreas envolventes", refere a Associação no comunicado sobre os resultados Bandeira Azul para a época balnear 2022. A primeira praia fluvial a hastear a Bandeira Azul em 2022 vai ser na de Adaúfe, em Braga, a 14 de junho.

Prepare a toalha e o biquíni. Porto Santo, na Madeira, é a melhor praia da Europa para 2022
Prepare a toalha e o biquíni. Porto Santo, na Madeira, é a melhor praia da Europa para 2022
Ver artigo

Há ainda outro crescimento em destaque este ano e que está relacionado com a sustentabilidade. "O maior crescimento desta edição é do Galardão Bandeira Azul para Embarcações de Ecoturismo, que conta com mais 9 embarcações, de 5 novos operadores e, desta forma, passa a estar presente em todas as regiões, excepto nos Açores", refere a EBAE.

No total, em 2022, há mais 21 praias com Bandeira Azul, assim como mais duas marinas e mais nove embarcações de ecoturismo, sendo que no que diz respeito às praias galardoadas, a maioria está na região do Algarve (86). Segue-se o norte (82), o Tejo (77), o centro (50), os Açores (42), o Alentejo (40) e a Madeira (16).

De saída relativamente ao ano passado estão seis praias: Castelo do Queijo, no Porto; Dona Ana em Lagos; e Furnas de St. António, Piscinas do Cais, Sargentos e Ribeira dos Pelames nos Açores.

Para assinalar os 35 anos da Associação Bandeira Azul Europa (EBAE), o mote escolhido é “Ajuda o Mar a Contar Outra História” de modo a trazer a importância do mar no passado dos portugueses para a proteção do mesmo no futuro. "Imaginemos a Mensagem de Pessoa corrompida porque o mar está contaminado. O que seria se todos os fados que falam do mar também falassem do plástico?", diz uma mensagem de reflecção da EBAE.

Nas praias de Bandeira Azul o caminho já começou a ser traçado e pode visitá-las mal comece a época balnear, sempre com consciência de que deve protegê-las para que mantenham com o galardão que garante a qualidade.

Veja onde foram atribuídas algumas de Bandeira Azul por obedecerem aos critérios ambientais, educacionais, de segurança e acessibilidade da EBAE.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.