O Sporting sagrou-se campeão depois de bater o Boavista por um golo apontado por Paulinho. O jogo, que aconteceu esta terça-feira, 11 de maio, foi à porta fechada mas, no exterior do estádio José Alvalade, em Lisboa, concentrou-se uma multidão de adeptos.

A festa, que começou por ser pacífica, apesar da falta de distanciamento social e de muitos adeptos estarem sem máscara, acabou em confrontos, obrigando a um reforço policial e ao disparo de balas de borracha para tentar dispersar a multidão e após ter sido atingida por pedras e garrafas. Um desses disparos chegou mesmo a atingir um jornalista da TVI, não tendo ficado com ferimentos.

Rúben Amorim conquista assim, aos 36 anos, o seu primeiro campeonato nacional como treinador. O técnico dos leões já havia conquistado duas taças da Liga, uma ao serviço do Braga e outra aos comandos do Sporting.

O clube de Alvalade conquista assim o tão desejado título de campeão nacional, que lhe escapava há 19 anos. A última vez que o Sporting conquistou este título aconteceu na época 2001/2002. László Bölöni era o treinador do clube na altura e arrecadou também nesse ano a Taça de Portugal e a Supertaça Cândido de Oliveira.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.