Freddie Mercury morreu há 28 anos, vítima de complicações ligadas ao vírus do HIV, mas a sua presença ainda é real, principalmente para os amigos mais próximos. Segundo relatos que estão a circular na imprensa, os amigos chegados do vocalista dos Queen continuam a receber presentes de Natal todos os anos.

Não é novidade para ninguém que Mercury gostava de mimar os seus. “Um pequeno presente, um gesto, um detalhe significam muito mais do que alguém comprar o Big Ben”, disse uma vez. Segundo Peter Freestone, amigo e assistente pessoal do artista, Freddie estava sempre a pensar nas pessoas que lhe eram próximas. “O Freddie pensava mais nas outras pessoas do que nele próprio". Tanto era assim que o próprio Freestone e Joe Fanelli, chef pessoal do cantor, tomavam as rédeas da vida de Freddie. "Assim, ele podia preocupar-se com os seus amigos. E tinha grande prazer nisso, contou ao “Express”.

18 fotografias raras e íntimas de Freddie Mercury
18 fotografias raras e íntimas de Freddie Mercury
Ver artigo

“Ele tinha um livro com todas as datas de aniversário dos amigos. Ele queria ter a certeza de que não se esquecia de ninguém”, acrescentou. “Se ele conhecessem alguém de quem gostasse, ele tirava o livro e adicionava o aniversário. Era um verdadeiro cavalheiro”.

Elton John, amigo pessoal de Freddie Mercury, pode confirmar. Segundo o próprio, o cantor de temas como “Rocket Man” foi visitar o amigo nos dias que antecederam a sua morte. Freddie Mercury estava na cama, mas a fazer compras.

“Ele estava deitado cheio de catálogos de mobiliário japonês e arte, e ia interrompendo a conversa ao telefone onde estava a decorrer um leilão. Ele disse: ‘Querido, acabei de comprar isto. Não é maravilhoso?’”, recordou Elton John. “Não conseguia perceber se ele não tinha noção do quão perto estava da morte, ou se ele sabia perfeitamente e estava determinado em que que aquilo que lhe estava a acontecer não o parasse. De qualquer das formas achei que ele era incrível”.

Quem é a mulher a quem Freddie Mercury deixou grande parte da sua fortuna?
Quem é a mulher a quem Freddie Mercury deixou grande parte da sua fortuna?
Ver artigo

“No dia de Natal Tony (um amigo em comum dos dois) chegou à minha porta com algo dentro de uma fronha de almofada. Eu abri e era uma aguarela de um artista cujo trabalho eu colecionava chamado Henry Scott Tuke, um impressionista que pintava nus masculinos”, disse Elton John. “Havia uma nota a dizer: ‘Querida Sharon – achei que ias adorar. Com amor, Melina’”. Sharon e Melina eram os nomes pelos quais os dois amigos se tratavam.

“Enquanto ele estava ali deitado, ele viu-o num catálogo de leilão e comprou-o para mim”, afirmou o cantor na mesma ocasião.

Mas esta não é situação única. São vários os amigos de Freddie Mercury que todos os anos recebem uma encomenda especial na altura do Natal. Segundo o “Express”, todos os anos a loja Fortnum & Mason envia presentes para os amigos mais próximos de Mercury assim como os seus afilhados. “Achamos que é um gesto adorável”, disse o porta-voz da loja.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.