Luísa Castel-Branco esteve no programa "Goucha" para promover a mais recente obra, "O amor é uma invenção dos pobres", lançada esta terça-feira, 22 de novembro, e editada pela Contraponto. A conversa abrangeu outros temas, incluindo a vida amorosa da escritora, onde foram feitas algumas revelações.

Um dos principais tópicos foi o fim do casamento da antiga apresentadora com o ex-marido e pai dos três filhos. Luísa Castel-Branco casou-se pela primeira vez a 2 de abril de 1979, com António de Castel-Branco, de quem se divorciou cerca de uma década depois.

Luísa Castel-Branco chegou “a ter quatro trabalhos” para sustentar os filhos após separação
Luísa Castel-Branco chegou “a ter quatro trabalhos” para sustentar os filhos após separação
Ver artigo

Deste matrimónio nasceram os três filhos da escritora: António, 43, Gonçalo, 42, e Inês, 40. "A primeira pessoa que amei foi, sem dúvida nenhuma, ele [referindo-se ao ex-marido]", garantiu a Manuel Luís Goucha. "Amei e fui amada profundamente", continuou, referindo aquilo que costumava imaginar para a relação, como "estabilidade" e "almoços de família ao domingo".

"Percebi que já estava infeliz há vários anos"

"Há amores e há amores. Fui profundamente feliz, e depois deixei de ser", revelou. "Como é que se lida com esse amor que se despedaça?", perguntou Manuel Luís, ouvindo de volta um "com culpabilização". "Porquê? Tiveste culpa?", questionou o apresentador. "Sim, tive, porque fui eu que dei o casamento por terminado. Apaixonei-me por outra pessoa", respondeu Luísa.

A comentadora televisiva de 68 anos considera hoje que não era amor, era encantamento. "Fui eu que traí", admitiu, acrescentando que o contrário também aconteceu. "Ele já tinha traído antes, mas essa contabilidade a mim não me interessava nada". "Percebi que já estava infeliz há vários anos", reconheceu.

"Tinha chegado a altura de pôr em causa o casamento", disse, a Manuel Luís Goucha. "Eu não tinha necessidade de ficar aí presa", continuou. Até então, "só existia aquele homem". "Nunca tive nenhum namorado a não ser aquele, casei com ele", recordou. Hoje, voltou a encontrar o amor.

Luísa Castel-Branco
Luísa Castel-Branco com o atual companheiro, Francisco Colaço. créditos: Instagram

Está, desde 1995, em união de facto com Francisco Colaço. "Fez-me repensar tudo", disse sobre o atual companheiro, falando também em almas gémeas. "Com ele aprendi a viver sem qualquer receio", garantiu. "Foi o único homem que os meus filhos conheceram", concluiu.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.