Terminou o namoro de quase quatro anos entre a apresentadora Bárbara Guimarães e o músico Carlos Pegado. A notícia foi avançada pela revista "Vidas", do "Correio da Manhã", que aponta como razão para o fim do relacionamento o afastamento durante os últimos meses da pandemia.

"Aconteceu naturalmente, sem dramas. Continuam amigos. A verdade é que o Carlos foi uma pessoa muito amiga e importante na vida dela", disse uma fonte à mesma publicação, acrescentando que Bárbara se mostra "serena e focada no seu bem-estar". Carlos Pegado acompanhou a apresentadora durante uma das fases mais difíceis da sua vida — quando lutou contra um cancro na mama.

A última fotografia do casal foi partilhada no Instagram em fevereiro do ano passado por Bárbara Guimarães. "Isto é ou não é todos os dias?", escreveu na publicação.

A relação com Carlos Pegado surgiu após uma relação de mais de uma década, entre 2001 a 2013, com Manuel Maria Carrilho. O casamento acabou com uma dura batalha em tribunal em que o ex-ministro da Cultura foi acusado de violência doméstica contra Bárbara Guimarães. Manuel Maria Carrilho acabou por ser ilibado três vezes.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.