A passagem de ano mais exclusiva de Lisboa e arredores está de volta. Depois de 10 anos a cumprir a promessa de proporcionar experiências épicas para os convidados, esgotando todas as edições até agora, a festa Welcome 2024 volta uma vez mais à Estufa Fria, no Parque Eduardo VII, em Lisboa, para tornar este espaço no palco ideal para uma boa e divertida entrada em 2024. 

Nesta festa de passagem de ano, vai poder dançar ao som de Soraia Ramos e Edmundo Vieira
Nesta festa de passagem de ano, vai poder dançar ao som de Soraia Ramos e Edmundo Vieira
Ver artigo

No entanto, é preciso batalhar para conseguir entrar. A Welcome 2024 é a festa mais exclusiva exatamente por só ser possível garantir lugar se se falar com a equipa de relações públicas do evento. São eles que podem fornecer o código para a entrada no recinto, e não é possível aceder de outro modo. 

Também os detalhes mais importantes são todos dados pelo RP aquando do pedido do código. E não, não é preciso ter preocupação: se não conhece ninguém que faça parte do evento, basta enviar mensagem para a página de Instagram da festa, que alguém entrará em contacto de imediato para ajudar. 

No dia 31 de dezembro, a Estufa Fria (ou o Jardim Botânico de Lisboa, como ainda é designado por muitos) vai transformar-se, a partir das 23 horas, num cenário digno de todas as novas resoluções para o novo ano, tendo todos os convidados como protagonistas da sua própria história. Os artistas, como esclarece a Mood Events, organizadora do evento, em comunicado, “são um segredo muito bem guardado”, mas algumas novidades serão reveladas ao longo do tempo até ao final do ano nas redes sociais do evento.

Por agora, tudo o que se sabe, para além do local e de como arranjar bilhete, é que só se pode entrar a partir dos 18 anos e o dress code é casual chic. Neste momento, os bilhetes de acesso já estão à venda, mas tem de pedir o código aos RP para conseguir comprar através do site. O valor é de 35€, com direito a duas bebidas brancas mais uma cerveja ou sidra. 

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.