É a primeira vez em 13 anos que os Genesis, a banda de rock progressivo composta por Phil Collins, Mike Rutherford e Tony Banks, regressa aos palcos para uma série de concertos únicos e limitados. O anúncio foi feito esta quarta-feira, 4 de fevereiro, na BBC Radio 2 pelo guitarrista Mike Rutherford — que adiantou que o grupo se vai reunir para concertos no Reino Unido em novembro e em dezembro.

"O som dos Genesis ainda está guardado aqui dentro. Tive saudades disso e vai ser muito bom poder voltar a tocá-lo novamente. Parece-me a altura certa para regressar e estamos muito entusiasmados por poder fazê-lo. Muitos dos nossos contemporâneos têm tocado muito ao vivo e nós só demos dos concertos no Reino Unido nos últimos 28 anos", explicou o guitarrista à estação de rádio britânica.

Manel Cruz. "Nunca me arrependi de deixar os Ornatos"
Manel Cruz. "Nunca me arrependi de deixar os Ornatos"
Ver artigo

Para os concertos de regresso, os Genesis vão contar ainda com o filho de 18 anos de Phil Collins a assumir a bateria. Collins, na mesma entrevista, avançou que o filho toca tal como ele e que, por isso, seria um bom complemento ao grupo. "Ele toca exatamente como eu e tem o a minha atitude. Por isso, esse foi um grande ponto de partida."

No entanto, e apesar das novidades, não parece que haja planos para uma digressão mundial ou pelo resto da Europa — estando apenas limitado ao Reino Unido entre 16 de novembro e 11 de dezembro.

Os Genesis começaram a sua carreira no rock progressivo, que viria a influenciar várias bandas que se seguiram, mas na fase final adotaram um estilo mais próximo de pop tradicional e mais melódico. Apesar disso, estima-se que tenham vendido cerca e 100 a 150 mil discos em todo o mundo.

Em 2010, os Genesis foram introduzidos no Rock and Roll Hall and Fame, 13 anos depois do lançamento do último disco chamado "Calling All Stations".

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.