O primeiro hotel feito totalmente de gelo, o IceHotel, na Suécia, não satisfeito com a irreverência do projeto, acabou de adicionar-lhe uma nova atração: a Midsummer Night's Dream (Sonho de uma Noite de Verão, em português), uma suite feita de gelo e dentro do qual foram congeladas flores e plantas.

Parece uma criação da rainha Elsa, do filme "Frozen", mas foi na verdade desenhada pelo príncipe Carl Philip da Suécia, duque da Varmlândia e segundo filho do rei Carlos XVI Gustavo da Suécia, e pelo sócio Oscar Kylberg. 

Lisboa tem um novo hotel revestido a dourado que celebra o fado, o vinho e os jaquinzinhos fritos
Lisboa tem um novo hotel revestido a dourado que celebra o fado, o vinho e os jaquinzinhos fritos
Ver artigo

A ideia de ambos foi fazer com que a profundidade do gelo do norte do Círculo Polar Ártico, onde se localiza o hotel, fosse mais percetível, uma vez que é descrito como "tão transparente, que em alguns sítios é preciso tocar para verificar se realmente está lá", diz o hotel numa publicação de Instagram em que anuncia a nova suite.

Para que não passe despercebido, o príncipe e o sócio decidiram então "mostrar o verdadeiro caráter do gelo ao encapsular delicadas e bonitas flores no gelo do Ártico". Estão presentes desde as paredes do quarto ao candeeiro.

Assim nasce uma nova suite, tão especial como as outras, mas com particular significado para a cultura escandinava. "Para nós suecos, o solstício de verão, e especialmente a noite do solstício de verão, está repleta de mitos e lendas. A natureza escandinava que nos rodeia de flores e gelo desempenha um enorme papel na nossa educação cultural e tem influência em quem somos, como nórdicos e escandinavos. Esperamos que a suite 'A Midsummer Night's Dream' o leve a querer fazer parte de nós".

A estadia na suite está disponível durante todo o ano e custa cerca de 1.441€ por noite. Depois de ver as fotos, é provável que esqueça o preço e fique a sonhar com uma estadia aqui.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.