Ainda não há uma explicação lógica para o que terá levado a que Giuliana Salinas, 15 anos, tenha levado uma descarga elétrica enorme quando ligou o carregador do telemóvel à corrente, o que acabou por levar à sua morte. O acidente aconteceu na quinta-feira, 17 de novembro, perto das 20 horas, em casa da adolescente, na Rua 35 da localidade de Melchor Romero, arredores de Buenos Aires, revela a agência Télam, da Argentina.

Os pais da jovem aperceberam-se de imediato do que estava a acontecer e acorreram a tentar salvar a filha. Levaram-na de urgência para o Hospital Doutor Alejandro Korn, na cidade local, onde já deu entrada em estado crítico. As equipas médicas tentaram salvar Giuliana durante dois dias, mas a adolescente acabou por morrer este sábado, 19, na unidade de cuidados intensivos daquele hospital.

Câmaras captam momento em que miúda de 15 anos cai de um prédio quando tentava apanhar o telemóvel
Câmaras captam momento em que miúda de 15 anos cai de um prédio quando tentava apanhar o telemóvel
Ver artigo

Está a ser analisada uma autópsia mais detalhada para perceber os danos reais da descarga elétrica, mas a causa de morte registada, para já, é "morte por acidente", na sequência da descarga elétrica.

Este não é caso único na região. Há uma semana, uma outra mulher, Jennifer Yanibelli, 27 anos, também recebeu uma descarga elétrica quando estava numa caixa multibanco a verificar o saldo da conta. Na altura, carregou numa tecla e levou uma descarga elétrica, que a atirou para o hospital. A mulher sentiu a corrente percorrer-lhe toda a zona do pé e perna, que ficou queimada por dentro. A mulher foi operada, já está livre de perigo, mas com mazelas sérias.

Descarga elétrica na perna

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.