Juntos há cinco anos, Nuno Matos e Patrícia Correia, de Palmela, tinham escolhido o dia 31 de março como a data perfeita para celebrar a relação. É que o pedido de casamento, tinha acontecido há três anos, nesse dia, numas férias na Islândia. "Dia 31 era o dia, não podia ser outro", conta Nuno à MAGG.

Mas a pandemia estragou-lhes todos os planos. A ideia era ir à conservatória no dia 24 de março, celebrarem a dois num hotel a 31 do mesmo mês e a dia 10 de abril, sim, a festa seria com a família e os amigos. Mas a conservatória ligou a informar que agora só faz registos de nascimento e óbito, o hotel cancelou a marcação e o distanciamento social imposto inviabilizava a festa.

A pandemia alterou muita coisa, mas ainda não fez parar o tempo e o tal dia 31 de março chegou, com Nuno e Patrícia fechados em casa, sozinhos. Mas ainda assim decidiram: "Vamos casar na mesma". Mais não seja porque até as alianças compradas há meses tinham essa data gravada no interior.

Nuno conta à MAGG que durante esse dia evitaram encontrar-se, para haver algum distanciamento e também porque ainda não tinham visto a roupa escolhida por cada um para esse dia. Escreveram os votos, apanharam flores no jardim para o bouquet da noiva, montaram um altar improvisado com objetos de decoração que tinham em casa e marcaram uma hora estratégica para apanhar a luz do fim do dia.

Nuno estava lá, à espera que Patrícia chegasse. No momento certo, leram os votos um ao outro, trocaram alianças e casaram. "Sei que não é nada oficial mas, para mim, casamos mesmo naquele dia", conta à MAGG.

Ainda que estivessem só os dois— na companhia do cão, King — conseguiram suprimir alguns dos itens que se esperam de um dia especial. É que Patrícia é cabeleireira e maquilhadora e Nuno é fotógrafo de casamentos, então os looks e as imagens estavam garantidas.

Esse fim de tarde foi vivido ao som de Coldplay, a banda preferida dos dois, e a mesa foi posta com a loiça guardada para momentos especiais, onde serviram aquilo que mais gostam de comer: sushi.

E ainda que a festa tenha acontecido, Nuno e Patrícia pensam já na celebração que vai acontecer quando a pandemia deixar. "Ainda não tem data nem pormenores, mas sabemos que, aí sim, vamos ter a nossa família e amigos connosco e vai ser vivida com toda a intensidade", garante.

Veja aqui algumas das fotografias da cerimónia que conta, claro, com selfies e a ajuda de um tripé.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.