Em todas as Black Friday, o verdadeiro desafio é não ser enganado com as chamadas falsas promoções. Por isso, o KuantoKusta volta a ter, na sua plataforma oficial, um comparador que analisa, em tempo real, o histórico de valores a que um determinado produto esteve à venda antes da temporada de descontos que dura até ao final de novembro.

Disponível no site oficial da plataforma, a ferramenta funciona de forma muito simples.

Ao pesquisar por um determinado produto, o sistema do KuantoKusta identifica se a loja em questão terá aumentado o preço antes da suposta promoção. Se isso tiver acontecido, o equipamento é automaticamente excluído das promoções listadas na plataforma.

5 conselhos imprescindíveis para fazer compras online em segurança
5 conselhos imprescindíveis para fazer compras online em segurança
Ver artigo

Mas as capacidades da ferramenta não se ficam por aqui. Ao pesquisar por um determinado produto, seja ele um telemóvel ou uma televisão, tem acesso a três separadores diferentes: o de lojas (em que o equipamento está à venda), o das características e o do histórico de preços.

Ao carregar no último separador, o de histórico de preços, é-lhe apresentado um gráfico com duas variáveis — o preço médico e o preço mínimo a que o produto em questão esteve à venda. É também essa informação, referente aos últimos 90 dias, que lhe permitirá saber a suposta promoção é verdadeira ou não.

"É precisamente aqui que nos colocamos, do lado do consumidor, com o sistema Oportunidades Black Friday, que identifica apenas as promoções que tiveram uma queda de preço real nas últimas semanas", explica Paulo Pimenta, CEO do KuantoKusta, em comunicado oficial.

Ainda que, este ano, a Black Friday aconteça a 26 de novembro, os descontos chegam mais cedo às principais lojas de venda a retalho, como a Worten e a Fnac.

Enquanto a Worten já tem campanhas a decorrer deste 3 de novembro, as da Fnac começam esta quinta-feira, 11 de novembro, para os aderentes, e sexta-feira, 12, para todos os consumidores.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.