Só em 2024 é que todas as escadas mecânicas do metro do Chiado, em Lisboa, vão estar a funcionar. Quer se dirijam para a rua do Crucifixo ou para o Largo do Chiado, existem 12 escadas mecânicas que facilitam (ou deveriam facilitar) o trajeto dos passageiros do metropolitano num percurso de 39 metros até à superfície. Em 2020, foram sete as escadas reabilitadas, deixando de fora cinco – que, até ao fim do primeiro trimestre de 2024, deverão estar arranjadas e a funcionar, avança a "Sábado"

"Todos estes equipamentos mecânicos têm a sua adequada assistência técnica, sendo, contudo, equipamentos com uma utilização das mais intensas da rede do metropolitano e, por isso, sujeitos a desgaste e deterioração excessiva de componentes", esclarece uma fonte oficial do Metropolitano de Lisboa, citada pela mesma publicação. Isto porque, de acordo com dados recolhidos antes da pandemia, pela estação passam cerca de 40.000 passageiros diariamente.

Regressar ao trabalho não tem de ser aborrecido. Aprimore o seu look com estes acessórios
Regressar ao trabalho não tem de ser aborrecido. Aprimore o seu look com estes acessórios
Ver artigo

Além do desgaste, a reparação também já viu melhores dias. A mesma fonte referiu que a "substituição tem sido penalizada nos termos das mais recentes alterações nas cadeias logísticas", lê-se na "Sábado". Entre as razões dessas alterações estão a guerra na Ucrânia e a pandemia, que impediram os fornecedores de cumprirem o prazo de entrega das peças necessárias para o arranjo dos equipamentos.

Até agora, a reabilitação de cinco das doze escadas teve um valor de €793.019,99. Além das escadas, o Metropolitano de Lisboa quer modernizar os três elevadores da estação, já no próximo ano – sendo que há um que se encontra fora de serviço desde o final do passado mês de julho.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.