A partir de agora, se quiser andar numa das trotinetes da Bolt ao fim de semana, à noite, vai ter de fazer um teste antes de começar a viagem.

A plataforma da TVDE (transporte individual e remunerado de passageiros em veículos descaracterizados), que junta na aplicação móvel trotinetes e bicicletas, desenvolveu uma tecnologia para testar se o utilizador de uma trotinete elétrica está alcoolizado, podendo impedi-lo de desbloquear o veículo e fazer a viagem.

Tem passe Navegante? Já pode usá-lo nas trotinetes e bicicletas elétricas da Bolt
Tem passe Navegante? Já pode usá-lo nas trotinetes e bicicletas elétricas da Bolt
Ver artigo

A nova funcionalidade foi apresentada esta sexta-feira, 26 de novembro, em Lisboa e, de acordo com o responsável da Micromobilidade da Bolt em Portugal, Santiago Páramo, insere-se no objetivo de "promover a segurança na circulação das trotinetes".

"Trata-se de seguir a nossa política de prevenção em segurança que estará a partir de hoje disponível nas seis cidades [e vilas] portuguesas onde a Bolt se encontra [Lisboa, Cascais, Coimbra, Setúbal, Braga e Barcelos]", afirmou Santiago Páramo, em declarações à Lusa, citado pela SIC Notícias.

Segundo o responsável, a funcionalidade — que consiste num "teste de reação em que será medido o tempo em que se responde a um 'jogo' para avaliar se a pessoa está em condições para conduzir em segurança" — estará operacional aos sábados e domingos, entre as ooh e as 6h. 

Na aplicação do telemóvel, depois de escolher a viagem de trotinete, o utilizador terá de fazer um jogo, no qual é pedido que se toque na imagem de forma a medir o tempo de reação entre o surgimento da imagem ao ato de tocar na mesma. Se a reação for considerada muito lenta, a aplicação recomenda que seja pedido um TVDE  e bloqueia a trotinete, lê-se na notícia avançada pela SIC Notícias.

Além de não permitir a condução, a aplicação alerta ainda o utilizador para o facto de que só se deve "conduzir quando se está sóbrio", lembrando os perigos de conduzir um veículo sob a influência de álcool.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.