Foi com alguma estranheza que os telespetadores receberam a notícia de que Raquel Tavares ir terminar a sua carreira enquanto artista. A fadista explicou esta decisão no início do mês a Cristina Ferreira, numa conversa emocionada.

“Eu decidi que quero viver além daquilo que tem sido a minha vida nos últimos 28 anos. Que é cantar”, começou por explicar a artista de 34 anos. “Percebi que aquilo a que me dediquei a vida inteira me estava a fazer menos bem. Eu estava profundamente infeliz”, continuou. Raquel Tavares acrescentou ainda que o problema não era o cantar em si, mas tudo “o que é adjacente a isso, a vida artística”.

Apesar disto, foi com alguma surpresa que dias depois foi revelado que Raquel Tavares iria integrar o elenco da nova série da RTP1, “Patrulha da Noite”.

Raquel Tavares anuncia fim de carreira: “Eu estava profundamente infeliz”
Raquel Tavares anuncia fim de carreira: “Eu estava profundamente infeliz”
Ver artigo

Agora, sabe-se que a decisão de deixar a música pode ter tido outras origens. Segundo a revista “Vidas”, um desgosto amoroso e uma depressão podem estar na origem da decisão tomada por Raquel Tavares. "A Raquel namorava com um músico brasileiro e sonhava lançar a sua carreira lá, mas tanto o amor como essa hipótese não correram como o previsto. Os últimos tempos foram complicados para ela”, contou uma fonte à publicação.

"A Raquel está a tentar superar muita coisa, uma delas é a separação do Xande. Eles eram muito unidos”, acrescentou a mesma fonte. Xande de Pilares é um músico brasileiro com quem a artista alegadamente mantinha uma relação.

Segundo a mesma publicação, o foco da cantora agora é vencer a depressão em que se encontra e entrar num novo ciclo profissional.

Newsletter

A MAGG é uma magazine para mulheres MAGGníficas. A MAGG faz um apanhado das mais estranhas que encontrámos nos sites das lojas.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma magazine para mulheres MAGGníficas. A MAGG faz um apanhado das mais estranhas que encontrámos nos sites das lojas.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.