A sua luta contra o cancro, documentada em podcast e nas redes sociais, comoveu milhões. O Reino Unido uniu-se em torno da luta de Deborah James, diagnosticada em 2016 com um cancro nos intestinos e que, já na fase terminal da doença, ajudou a angariar 7 milhões de euros para o combate às doenças oncológicas.

A ativista, blogger e antiga professora morreu esta terça-feira, 28 de junho. A notícia foi anunciada nas redes sociais pela família que, no final de um longo texto de agradecimento, deixou aquelas que foram as últimas palavras de Deborah para os que a apoiaram. "Encontrem uma vida que valha a pena desfrutar; corram riscos; amem profundamente, não se arrependam e tenham sempre, sempre uma esperança rebelde. E, finalmente, estejam atentos ao vosso cocó - pode salvar a vossa vida". 

Príncipe William visitou e condecorou Deborah James, a jornalista com cancro terminal
Príncipe William visitou e condecorou Deborah James, a jornalista com cancro terminal
Ver artigo

Em maio, Deborah James recebeu a visita inesperada do príncipe William. Para um chá mas também para lhe conceder o título honorífico de Dama. No Instagram, os duques de Cambridge prestaram homenagem à ativista, partilhando um story com uma mensagem tocante.

deborah james

"Estamos muito tristes por saber das notícias devastadoras sobre Dame Deborah. Os nossos pêsames vão para os filhos, família e entes queridos. Deborah foi uma mulher inspiradora e inabalável cujo legado irá continuar", escreveram Kate e William.

A britânica tornou-se reconhecida ao coapresentar o podcast da BBC sobre doenças oncológicas, "You, Me and the Big C", com Lauren Mahon e Rachel Bland (que morreu em 2018, vítima de cancro da mama). Deborah era casada com Sebastien Bowen e deixa dois filhos, Hugo, de 14 anos, e Eloise, de 12.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.