Aos 28 anos, Demi Lovato prepara-se para revelar tudo sobre a overdose que sofreu em 2018 bem como as consequências e mazelas que este acontecimento deixou na sua vida. No trailer oficial de "Demi Lovato: Dancing with the Devil", lançado esta quarta-feira, 17 de fevereiro, a cantora norte-americana fez já algumas revelações que mostram quais os principais temas da sua vida que vai abordar no documentário realizado por Michael D. Ratner.

Depois de quatro meses de namoro, Demi Lovato está noiva
Depois de quatro meses de namoro, Demi Lovato está noiva
Ver artigo

Em julho de 2018, Demi Lovato foi encontrada inconsciente na sua casa de Hollywood Hills, Los Angeles, devido a uma overdose. "Sempre que escondemos uma parte de nós mesmos, acaba por transbordar", começa por revelar a cantora que admite ter cruzado uma linha que nunca tinha cruzado antes. "Tive três AVC e um ataque cardíaco. Os médicos disseram que eu tinha mais cinco a dez minutos [de vida]", assume. No trailer a cantora confessa ainda ter já passado por muitas vidas diferentes "como um gato" e que se encontra agora pronta para voltar ao que mais ama — a música.

O documentário, que estreia no YouTube a 23 de março, contará ainda com a presença de amigos e familiares da cantora que falam também sobre a situação. Em "Dancing with the Devil", Demi Lovato pretende revelar toda a verdade sobre os últimos anos e pôr fim a vários rumores falsos que circulam na Internet.  "Obrigado à minha família, amigos e fãs por permanecerem ao meu lado ao longo dos anos em que eu aprendo e cresço. Estou tão animada para finalmente compartilhar convosco esta história que guardei nos últimos 2 anos", escreveu Demi numa publicação partilhada, há cinco semanas, no Instagram.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.