Há quem seja mais de manhãs, mais de noites, ou mais de brunch. A MAGG sabe que já perdeu conta aos novos espaços de brunch ou àqueles que mudaram as cartas, por isso fizemos uma seleção de cada novidade desde o norte ao sul do País. Apesar de os sabores inovarem em muitos casos, é claro que o requisito máximo continua lá: o instagramável. Os pratos vêm bem apresentados, depois a gestão para ficar melhor na foto é consigo: o smoothie fica melhor junto dos ovos benedict, e o café "nas nuvens" servido com um algodão doce, bem, esse fala por si só. Vamos parar por aqui, porque as combinações em peso vêm de seguida.

Espreite (e pique qualquer coisa, porque as sugestões vão dar fome).

1. Therapist

thetherapistlx
créditos: thetherapistlx/Instagram

Therapist tem duas casas em Lisboa, uma no Marquês, na Rua Rodrigo da Fonseca, e outra na LxFactory, mas o conceito é o mesmo: comida terapêutica. E não falamos apenas em consolar a alma. O menu está mesmo pensado para cada necessidade do corpo, seja ajudar o sistema e regular a digestão, ou dar um reforço de imunidade ao organismo (uma mais valia principalmente com uma pandemia em curso ou outras agressões que possam surgir).

O brunch não foge ao conceito e é precisamente o foodie de meio-dia quem escolhe aquilo que quer dar ao corpo. Contudo, este não é servido nem no Marquês, nem na LxFactory, mas sim no conforto de casa. Isto porque o menu de brunch (15,90€) está apenas disponível para entregas ou take away. É composto por panquecas (uma torre de quatro), uma bowl doce, e uma bruschetta. Entre as opções tem as panquecas de abacaxi e iogurte do immunity menu, a bruschetta de queijo de barrar e shitakke do detox menu ou a bowl de amendoim e cacau do power menu.

Se quiser mesmo comer num dos espaços Therapist ou encomendar pela plataforma UberEats, também pode fazer o seu próprio brunch, nestes casos, à carta.

Morada: Rua Rodrigues de Faria, 103 (Lx Factory) e Rua Rodrigo Fonseca 82A
Horário: 9h30-18h30. 9h30-22h30 de quinta a domingo

2. Pequeno Café Bistrô

pequeno.cafebistro
créditos: pequeno.cafebistro/Instagram

Nasceu não há muito tempo, a 14 de abril, pelas mãos dos amigos Maria Eduarda Perdigão, Isabela Castro e Tomas Hencel, o Pequeno Café e Bistrô. Na verdade, esse foi o regresso, porque a 10 de março as portas abriram-se, mas tiveram de fechar três dias depois devido à pandemia de COVID-19. Agora estão de novo em força no Mercado de Arroios e até com brunch aos sábados, das 9 às 14 horas, ainda que com as opções do menu, possa fazer um brunch à carta em qualquer altura, diz-nos Maria Eduarda.

Pequeno Café Bistrô. O restaurante que abriu na véspera de o País fechar
Pequeno Café Bistrô. O restaurante que abriu na véspera de o País fechar
Ver artigo

No entanto, para os indecisos, ao sábado não é preciso escolher: o "brunchzinho" (12€), como chamam, vem com uma bebida quente à escolha, uma bebida fria — chá gelado, kombucha, ou copo de vinho —, pão de queijo ou pão de beijo (3 unidades), brioche de batata doce laranja com "nutela" caseira e queijo (vegan ou tradicional), tofu mexido ou pudim de chia, e ainda uma mini cookie.

Há ainda opção de tornar o brunch completamente vegan. A partir de setembro, passa também a haver brunch aos domingos.

Morada: Mercado de Arroios, loja 5
Telefone: 215 921 029/913 849 685
Horário: Quarta a sábado 10h-22h. Quarta 10h-17h. Fecha de domingo a terça-feira.

3. Vegan Junkies

lisbonveganjunkies
créditos: lisbonveganjunkies/instagram

Apesar do que sugere o nome e de ser mais conhecido pelos hambúrgueres, batatas fritas, e até bolos de Oreo, o Vegan Junkies criou três combinações de brunch para desfrutar aos domingos e para todos os gostos — até os mais saudáveis. Aqui a especialidade não são as típicas tostas de abacate ou as smoothie bowls todas bonitinhas, mas os palitos de cenoura andam por cá. Alguns pratos transportam-se de um menu para outro, mas outros complementos tornam cada brunch diferente.

O menu "you make me feel light" (12€) é então o mais saudável e também o mais barato. Começa logo por oferecer veggie sticks de húmus de pimento vermelho e de cebola caramelizada, passa para as bolinhas de pasta de grão e queijo mozzarella fritas, pão de cebola roxa com pasta de tofu fumado, abacate, pepino e microverdes, e ainda a conhecida tortilha de milho com feijão preto salteado, jaca desfiada, molho de tomate cozinhado em especiarias e guacamole e coentros. Para beber, há sumo detox do dia.

Vegan Junkies. Quem disse que os vegan só comem salada?
Vegan Junkies. Quem disse que os vegan só comem salada?
Ver artigo

Passando para o menu "fill me up" (15€), os veggie sticks mantêm-se, mas os pratos são diferentes: totopos salteados em salsa verde com queijo fumado ralado, sour cream e cebola, vegetais assados com especiarias, sour cream e amêndoas tostadas, um breakfast burrito, e panquecas da Jô com doce de framboesa, chantilly e morangos. As bebidas vão do mais irreverente, como o espresso martini ou sangria de vinho tinto e morangos, até ao simples iced coffee.

O último menu, "the toughest stomach in town" (17€), promete que ninguém sai daqui com fome. Aliás, é bem provável que saia já com lanche e jantar. Os veggie sticks são para disfarçar o que ai vem e quanto ao resto nem é preciso detalhar. Este brunch junta o menu "you make me feel light" e "fill me up", servindo no total sete pratos. As bebidas são as mesmas do menu "fill me up", acrescenta apenas a opção de café.

Ao domingo o Vegan Junkies está aberto entre o meio-dia e as 17 horas.

Morada: Rua Luciano Cordeiro, 28, Lisboa
Horário: 18h-24h (a partir de dia 13 abre para almoços, entre as 12h e as 15h)

4. Ferroviário

Brunch Ferroviário

Existe melhor reabertura de um espaço do que com brunch? Foi assim que o Ferroviário virou a página (do menu) depois de ter fechado devido à COVID-19. Deixou para o fim de semana, dias que se querem sem correria, a sugestão ideal para quem se levanta tarde — um brunch — que até se desfaz na boca, mas já lá vamos.

Entre os menus há o Sunday Funday (16,50€), com pão, croissant, manteiga, compota, salmão fumado ou fiambre, queijo creme ou requeijão, ovos mexidos, sumo e café, e ainda o Brunch nas Nuvens (19,50€): iogurte com fruta, granola e mel, panqueca ou ovos, sumo e um café "nas nuvens", que vem servido com um algodão doce (o tal que se desfaz na boca como nuvens). Contudo, nada o impede de escolher o brunch à carta, se as combinações pré-definidas não lhe agradarem.

O brunch é servido aos sábados e domingos das 11 às 16 horas.

Morada:
Rua de Santa Apolónia 59, Lisboa

Horário:
Quarta e quinta 18h-2h
Sexta 18h-3h
Sábado 14h-3h
Domingo 14h-2h
Encerra às segundas e terças

Contacto para reservas:
968605235

5. Lisbon Marriott Hotel

 Lisbon Marriott Hotel
créditos: divulgação

O brunch do Marriott é servido em dose tripla: o menu, a piscina e o jardim. Isto porque o hotel no centro de Lisboa está de volta com o pool brunch, servido junto à piscina. Mas antes de dar um mergulho, talvez seja melhor esperar algum tempo até fazer a digestão, porque há muito para comer entre as duas opções do menu: o Classic Rainbow ou o Green Rainbow (39€ por pessoa).

O primeiro brunch serve ovos mexidos, salsichas frescas, feijão com tomate, bacon, torradas e pães de vários tipos, poke bowl de salmão, ovos benedict, grissino, tapenate e presunto, granola caseira com iogurte, mini-éclair, donuts coloridos e uma bebida à escolha — entre smoothie red, sumo de laranja, chá e café.

Já o segundo, mais saudável, também inclui ovos mexidos, mas tem outras opções como é o caso dos cogumelos salteados, alho e tomilho, seleção de húmus, torradas de trigo, alfarroba e beterraba, bruschetta de abacate, ovos à florentina, pudim de chá, panquecas com compotas caseiras, donuts, granola caseira com iogurte, e uma das bebidas à escolha do menu anterior. Ambos são servidos depois de um copo de espumante à chegada.

Os menus de brunch estão disponíveis aos sábados e domingos, das 12h às 16h, mas pode permanecer até às 17 horas no hotel. As crianças dos 7 aos 12 anos pagam 19,50€ pelo brunch e até aos 6 anos é gratuito.

Pode também usufruir dos menus de brunch ao fim de semana através do pacote de verão Funcation by the Pool, que dá acesso à piscina, quarto com capacidade para quatro pessoas e 20% de desconto em alimentos e bebidas. Um dia completo para duas pessoas, das 9 às 17 horas, custa a partir de 89€, e meio dia, das 9 às 14 horas ou do meio-dia às 17 horas, tem preços a partir de 69€ para duas pessoas.

Horário: Sábados das 12h às 16h  
Telefone
: 91 439 10 60
Morada: Av. dos Combatentes, 1600-042 Lisboa

6. Hotéis Vila Galé

Vila Galé Ópera
Vila Galé Ópera créditos: divulgação

Este é um brunch para desfrutar de norte a sul do País. É que os hotéis Vila Galé estão espalhados pelo território nacional e pela rota vão deixando umas mesas bem compostas. A começar no Vila Galé Porto Ribeira, passamos para o de Coimbra, Sintra e Cascais, chegamos ao Vila Galé Ópera, em Lisboa, o Vila Galé Collection Palácio dos Arcos, e a viagem termina no Vila Galé Atlântico na praia da Galé, Algarve.

Em todos eles o típico pequeno-almoço de hotel junta-se a outros pratos quentes e ainda showcooking, de pratos como panquecas e baked beans, e variadas sobremesas. Entre as opções do brunch servido em cada hotel há papas de aveia com amêndoa laminada no Vila Galé Coimbra, carpaccio de foie grás com funcho e vinagre balsâmico no Vila Galé Ópera em Lisboa, e crumble de frutos vermelhos no Vila Galé Cascais.

O brunch é servido ao domingo, a partir das 12h30. Os preços variam entre os 17,5€, no caso do Vila Galé Porto Ribeira, e os 25€, como acontece no Vila Galé Sintra e Vila Galé Collection Palácio dos Arcos. Em qualquer um deles, as crianças até aos 12 anos têm desconto de 50%.

Reservas de brunch hotéis Vila Galé

Vila Galé Sintra: sintra.reservas2@vilagale.com
Vila Galé Porto Ribeira: telefone (+351) 225 431 200 ou email ribeira.reservas2@vilagale.com
Vila Galé Coimbra: telefone (+351) 925 778 101 ou email coimbra.reservas2@vilagale.com
Vila Galé Collection Palácio dos Arcos: telefone (+351) 965 014 511 ou email palacio.reservas2@vilagale.com
Vila Galé Ópera: telefone (+351) 925 658 521 ou email opera.reservas2@vilagale.com
Vila Galé Cascais: telefone (+351) 961 778 956 ou email cascais.reservas2@vilagale.com

7. Manifest

manifest.lisbon
créditos: manifest.lisbon/Instagram

A casa do Manifest já não é nova, mas o menu de brunch mudou. Se antes tínhamos o brunch escandinavo com beringela smorrebrod e salmão ou o vegano com tofu mexido e salsichas de soja, agora há novas opções para conhecer outros sabores.

Entre os seis menus prontos a escolher e a serem servidos a qualquer dia da semana, o mais económico é o pequeno-almoço inglês (10,50€), mas não se deixe enganar pelo preço, porque qualquer é um deles é (muito) bem servido. Este traz pão torrado, salsicha, bacon, salada, tomate, feijão preto, molho de chipotle, batatas assadas, ovos fritos, cebola caramelizada.

Manifest. O restaurante onde pode estar de manhã à noite
Manifest. O restaurante onde pode estar de manhã à noite
Ver artigo

Passando ao brunch continental fiambre (11€), numa tábua vem "um bocado de tudo", como os próprios indicam. O "tudo" inclui pão massa mãe, ovos mexidos num tosta com guacamole, queijo cheddar, iogurte e granola, manteiga e composta e frutas. Há ainda outro continental, o brunch continental salmão (13€), que em vez do fiambre do anterior, traz salmão.

Outros sabores traz o mexican brunch (12€), com uma ou duas tortillas, queijo creme, feijão, mozzarella, queijo cheddar, milho, molho e ovo frito, ou o brunch oriental (13€) que serve na tábua húmus, salada, ovos estrelados, queijo halloumi, queijo feta, azeitonas e frutas.

Há ainda uma opção vegan (12€), que traz tofu mexido, pão, salada, tomate, guacamole, batatas assadas, molho de tofu.

8. Noshi

Noshi

No Porto, o Noshi já há muito que é uma espécie de meca para quem quer comer bem e bonito. Sempre teve brunch ao fim de semana e várias opções para quem quer montar um alternativo todos os dias. Mas agora, depois da quarentena, há novidades na carta.

O menu de brunch continua a estar aos sábados, domingos e feriados e, por 16€, tome nota de tudo o que em direito: croissant com queijo creme e compota, panquecas de aveia com fruta, machos com o dia do dia, pudim de chia ou overnight oats, taco de frango, sopa ou salada, sumo de laranja ou limonada, café ou cappuccino. Há também uma versão vegan.

Se por acaso for durante a semana, saiba que praticamente todos os itens do menu de brunch estão disponíveis em doses maiores. Assim, pode fazer o seu, personalizado.

Outras das novidades da carta é a Pata Bowl (10€), as panquecas com bacon, ovo escalfado, abacate e Maple syrup (8€), a tábua de queijos (10€) e a salada de húmus (12€).

Morada: Rua do Carmo, 11 e 12, Porto
Telefone: 222053034
Horário: 10h30-18h

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.