Considerada a mais bela e antiga cervejaria de Portugal, a Trindade volta a abrir portas e totalmente renovada. Foram 13 meses de obras, que proporcionaram uma mudança de identidade na antiga cervejaria lisboeta. Agora com uma imagem mais atual, e reforçando sempre o património e relevância cultural do espaço, a Trindade apresenta-se ao público em tons de cobre - homenageando a sua grande protagonista, a cerveja - e em tons de azul - destacando os tradicionais azulejos que a tornam histórica.

Com quase 200 anos de história, a Cervejaria Trindade toma lugar no espaço ocupado há oito séculos pelo Convento da Santíssima Trindade, fundado em 1294. De forma a manter viva e a respeitar a sua história, a renovação foi feita de acordo com o espaço e os elementos presentes: as abóbodas originais e o espaço do claustro foram recuperados, assim como os azulejos e as obras de arte mais emblemáticas da Trindade. 

Esta nova identidade simboliza o renascimento de um monumento gastronómico de Lisboa e representa a grande ambição para o futuro”, afirma Francisco Carvalho Martins, administrador do Grupo Portugália Restauração, que detém a cervejaria Trindade.

Trindade
Cervejaria Trindade em 1900 créditos: Trindade

O antigo convento que sobreviveu ao terramoto de 1755 e resistiu à passagem do tempo renasce agora, dividindo-se em duas áreas: o Restaurante, que privilegia uma experiência mais completa, e a Petisqueira, com um ambiente mais informal.

Se falamos de espaço, temos de falar de comida. Também o menu da Trindade foi renovado, tendo agora a assinatura do chef Alexandre Silva. A tradição mantém-se com os originais Bife à Trindade (17,90€) e Brás de Bacalhau (17,90€), e a inovação traz novidades como Paleta de Borrego (59€), Cataplana de Peixe e Marisco (59€) e Polvo Assado no Carvão (64€).

Como de costume, estão ainda presentes as famosas cervejas artesanais. São elas a Aurea, Fenix e Profana, lançadas em 2018, e a Albert, lançada em 2020 em colaboração com a Cerveja Artesanal Trevo.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.