Thiago Silva e Fernando Sá costumavam viajar bastante em trabalho, principalmente para Madrid e Barcelona. "Era comum chegarmos ao destino às 11h/11h30, que é aquela hora já tarde para pequeno-almoço e ainda cedo para almoçar", conta Thiago, à MAGG. Era por isso comum que optassem sempre por locais que servissem brunch a toda a hora e sem aquela exclusividade habitual dos fins de semana. "Foi aí que pensámos: espera lá, há aqui um gap para preencher em Portugal, principalmente tendo em conta o boom turístico que traz ao país cada vez mais gente sem hora marcada para refeições".

A ideia passou à prática há um ano quando abrirarm no Porto o Zenith, um espaço em pleno centro da cidade, aberto todos os dias e a servir um menu de brunch de manhã até às 19h, hora de encerramento.

À ideia inovadora juntaram pratos de fazer qualquer salivar ou, nos tempos modernos em que vivemos, sacar do telemóvel para partilhar nas redes aquela explosão de cores. Há ovos benedict com abacate, panquecas com topping de bolachas Oreo, bowls de açaí, tapiocas, tostas e até shakshuka, um prato do Médio Oriente que importaram (e ainda bem) para que os portugueses conheçam a magia que acontece quando dois ovos são colocados num molho de tomate cozinhado lentamente com cebola e pimentos.

Amélia. A namorada da cafetaria Nicolau também tem brunch todos os dias em Lisboa
Amélia. A namorada da cafetaria Nicolau também tem brunch todos os dias em Lisboa
Ver artigo

Um dos aspetos que volta a destacar este espaço é o facto de não haver menus definidos, para que cada um peça à carta aquilo que prefere para o brunch. "Em Portugal, o conceito de brunch estava muito ligado àquilo que vemos nos pequenos-almoços de hotel: uma mesa farta, em sistema buffet, que obriga a que cada um se levante para ir buscar o que prefere", lembra Thiago. Aqui não. A dupla de empreendedores preferiu pôr à disposição toda uma carta com opções que vão do doce ao salgado e conta ainda com uma vasta lista de cocktails. "Porque não beber um cocktail leve, mesmo que seja de manhã?", pergunta Thiago, como que a abrir as portas para a primeira recomendação. A Zenith Sangria, feita com espumante, era uma das preferidas dos clientes do Porto e, seguramente, não vai desagradar aos lisboetas.

8 restaurantes novos que tem mesmo de conhecer em Lisboa e no Porto
8 restaurantes novos que tem mesmo de conhecer em Lisboa e no Porto
Ver artigo

Numa espécie de copy paste, palavras do gerente, o Zenith em Lisboa é feito à imagem e semelhança do Porto, "em espaço, carta, horário e preços". A localização, tal como no Porto, que ficava na central Praça Carlos Alberto, também foi escolhida de maneira a não fugir à movida da cidade. O novo restaurante fica na Rua do Telhal, junto à Avendia da Liberdade, num edifício que junta o conforto dos sofás e da mobília de madeira à vertente industrial das paredes em tijolo e das tubagens de metal deixadas propositadamente à vista.

Rua do Telhal nº4A
1150-346 Lisboa

Tel: 211527583

www.zenithcaffe.pt

Nota importante, não aceitam reservas (a não ser para grupos de, no mínimo, dez pessoas). Se o copy paste do que se passa no Porto for total, a Avenida que se prepare para ver crescer filas de gente à espera de fotografar, perdão, comer, um dos brunchs mais esperados da cidade.

Newsletter

A MAGG é uma magazine para mulheres MAGGníficas. A MAGG faz um apanhado das mais estranhas que encontrámos nos sites das lojas.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma magazine para mulheres MAGGníficas. A MAGG faz um apanhado das mais estranhas que encontrámos nos sites das lojas.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.