A apresentação oficial da coleção de livros infantis de Isabel Silva, "Vamos fazer o bem", aconteceu esta quinta-feira, 30 de setembro. Ao lado do cão Caju, o seu grande parceiro que considera um filho, a apresentadora de 35 anos falou sobre os três novos livros.

"Vamos Ter uma Vida Saudável", "Vamos Fazer Bem aos Outros" e "Vamos Cuidar do Ambiente" têm como objetivo incentivar as crianças e, consequentemente, os pais a fazer o bem — aos outros e a si próprios. "O nosso público alvo são as crianças e o nosso objetivo, meu e do Caju, é podermos passar alguns ensinamentos de uma forma leve e descomprometida. Ensinamentos que mostram que para fazer o bem não é preciso muito, basta termos bons valores, uma boa consciência com o meio ambiente e querermos cuidar de nós", disse Isabel Silva durante a apresentação.

Projeto "DoBem" de Isabel Silva chega às crianças — e o cão Caju é parceiro
Projeto "DoBem" de Isabel Silva chega às crianças — e o cão Caju é parceiro
Ver artigo

Adepta e defensora de um estilo de vida saudável, Isabel explica que foi em casa, e desde pequena, que sempre foi incentivada pela mãe a comer bem. "Foi a minha mãe que me passou isto e acho que quando os pais nos passam estes ensinamentos, é muito mais fácil depois nós integrarmos esses hábitos nas nossas vidas."

O objetivo com o lançamento destes livros é poder, já a partir deste mês, levar as histórias às escolas e fazer com que as crianças passem a ser "agentes transformadores da mudança". "Escolhi o Caju para este lançamento por uma razão muito específica: é que o Caju é um pug e os pug têm tendência para a obesidade e para respirar mal. Mas, desde pequeno que o habituei a comer bem, comida natural, e duas vezes por semana vai para a sua creche canina. São esses ensinamentos que eu passei para ele e quero acreditar que os pais também podem passar aos filhos. Acho que a beleza das coisas é estarmos todos juntos neste caminho da sustentabilidade", referiu a apresentadora.

Apresentação livro Isabel Silva
créditos: nvstudio

À MAGG, Isabel Silva conta que o feedback dos pais e das crianças tem sido muito bom. "Acham as ilustrações muito bonitas, mas sobretudo o que dizem é que são livros didáticos. Mais do que só uma história gira entre uma menina e um cão, a menina e o cão têm uma mensagem para passar — uma mensagem que está totalmente ligada a um estilo de vida saudável. No fundo, aquilo que os pais querem é que filhos sejam pessoas felizes e saudáveis."

"Temos de começar mesmo pelos pequeninos, porque são eles que nos passam a mensagem"

A nutricionista Iara Rodrigues, que apresentou também a nova coleção de livros infantis, considera que já começa a haver uma tendência das escolas em se preocuparem mais com estes temas, mas "ainda há um longo trabalho pela frente". "Temos de começar mesmo pelos pequeninos porque são eles que nos passam a mensagem. As crianças conquistam os pais. O McDonald's, por exemplo, foi muito inteligente na forma como utilizou esse marketing e nós sabemos que é isso que funciona, agora falta fazer isso com a alimentação saudável", afirma à MAGG.

"Não só nós, os pais, temos a preocupação de tentar dar coisas boas e apelativas, como também eles puxam por nós. A reciclagem, por exemplo, foi uma coisa que começou muito pelas crianças e que foi incutida em casa por elas e não pelos adultos", continua, referindo que falta haver mais iniciativas como estas para chegar às escolas, e consequentemente aos pais e avós. "Nós, adultos, somos sugadores de informação deles e eles são a forma mais direta de nos incentivar a ir atrás das mensagens", remata.

Apresentação livro Isabel

Ricardo Martins Pereira, empresário e criador de conteúdos digitais, também apresentou os livros e deixou um apelo: que seja retirado o ponto de interrogação da capa. "Não vamos perguntar se vamos fazer bem aos outros, vamos fazer bem aos outros. Fazer o bem é o princípio de tudo, porque quando fazemos bem aos outros estamos também a cuidar do ambiente e a ter uma vida saudável", disse.

A coleção "Vamos fazer o bem" já está à venda nas lojas Note e no Continente. Cada livro custa 7,77€.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.