Oferecer flores tornou-se num hábito para as mais variadas situações –  principalmente nos momentos especiais. Apesar das boas intenções, a verdade é que em pouco tempo aquele que era um presente bonito começa a murchar e a perder vida.

Ao retirar as plantas do seu habitat natural a sua morte é inevitável. No entanto, é possível retardá-la. Kate Law, designer na retalhista norte-americana ProFlowers, e Michael Gaffney, fundador da Escola de Design de Flores de Nova York, revelaram ao site Woman's Day oito passos que podem prolongar a vida das flores que compramos ou recebemos, tudo com ingredientes que qualquer pessoa pode ter na própria casa.

Passo 1:

Adicionar um litro de água morna a um vaso limpo;

Passo 2:

Deitar duas colheres de sopa de açúcar na água. Com este passo, irá garantir que as flores estejam nutridas, potenciando o seu florescimento;

Passo 3:

Adicionar duas colheres de sopa de vinagre ou sumo de limão ao vaso. Estes produtos ajudam a diminuir o desenvolvimento de bactérias, o que permite que as flores continuem frescas por mais tempo;

5 ideias criativas para utilizar flores
5 ideias criativas para utilizar flores
Ver artigo

Passo 4:

Remover todas as folhas que estão na zona inferior do caule, evitando que as mesmas se acumulem na água;

Passo 5:

Cortar uma ou duas polegadas de caule, até que o mesmo fique todo coberto por água;

Passo 6:

Manter as flores organizadas dentro do vaso;

Passo 7:

Colocar o vaso de flores numa área fresca, sem correntes de ar e sem exposição direta ao sol;

Passo 8:

A água deve ser trocada a cada dois dias, bem como o corte do caule.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.