Após quase 70 anos de existência, o Sr. Cabeça de Batata vai desmontar-se de questões de género e deixar cair o "Sr." (Mr. do nome original Mr. Potato Head, em inglês), bem como do "Sra." da versão feminina. O anúncio foi feito pelo fabricante Hasbro, que revela que além da alteração do nome, será lançado um novo kit. Inicialmente a Hasbro não especificou claramente a mudança, gerando uma polémica ao dar a entender que as personagens originais, Sr. e Sra. Cabeça de Batata, seriam descontinuadas. Mas tal não vai acontecer.

Os agora Cabeça de Batata, ele e ela, vão continuar à venda nas lojas, mas vai surgir um novo pack, chamado "cria a tua família Cabeça de Batata", que inclui duas Cabeças de Batata adultas sem género, um bebé Cabeça de Batata e 45 acessórios.

Kit
créditos: hasbro

Através deste novo kit, as crianças das novas gerações vão poder brincar e interiorizar os valores que a marca quer transmitir através da restruturação da marca que tem como mote "com a Cabeça de Batata não há formas erradas de brincar".

Na prática, esta mudança vai permitir que as crianças brinquem de acordo com o que considerarem mais natural: podem colocar umas calças numa Sra. Cabeça de Batata e uns brincos num Sr. Cabeça de Batata.

O Sr. Cabeça de Batata foi lançado em 1952, mas com o tempo "a cultura evoluiu", reconhece Kimberly Boyd, vice presidente sénior e gerente geral da Hasbro, que trabalha para a marca Cabeça de Batata, na revista "Fast Company". "As crianças querem ter oportunidade de representar as suas próprias experiências. A forma como a marca existia até agora — com um "Sr." e uma "Sra." — é limitativa, tanto no que diz respeito à identidade de género, como à estrutura familiar", argumenta.

Outra das novidades, em linha com a evolução dos tempos, é que as embalagens dos novos brinquedos da marca Cabeça de Batata vão ter menos plástico e o próprio brinquedo será feito de forma mais sustentável. O kit com o novo nome vai chegar às lojas este outono, de acordo com o "The Daily Mail".

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.