O U.M.I. Ásia, no Parque das Nações, já é, desde 2019, uma referência entre os asiáticos de Lisboa, e agora vai passar a ter uma nova vida bem no centro de Lisboa. O novo espaço chama-se U.M.I. Avenida, fico muito perto do El Corte Inglés e dos jardins da
Gulbenkian, e vem trazer um conceito um pouco diferente da casa mãe da Expo, mais focado no sushi, nos pokes e em refeições mais rápidas. O que se mantém é “a maior qualidade possível” do peixe, e uma excelente relação qualidade-preço, como destaca à
MAGG um dos sócio, Rui Matos. E também existe a opção all you can eat, ao almoço e jantar.

Depois de três anos de sucesso num conceito que aposta uma variedade de pratos asiáticos, que vão desde os bao ao pad thai, passando pelo caril vermelho de camarão ou a sopa Tom Yumo, o U.M.I chega agora ao centro da cidade com um menu focado no
sushi e nos pokes.

Do espaço no Parque das Nações vêm os combinados de sushi a partir de 25 peças (18,90€), perfeitos para partilhar, e os famosos pokes, como o de salmão trufado (15,90€). Joaquim Nico, que criou o conceito com o sócio Rui Matos, diz que esta mistura de sushi e pokes “tem sido um sucesso”. E a explicação é relativamente simples: assenta num rigoroso “critério e exigência na seleção de peixes”.

O novo U.M.I. Avenida, a 2 minutos a pé do El Corte Inglés, é um restaurante “mais empresarial e focado em refeições rápidas”, ideal para quem trabalha na zona e quer aproveitar a hora de almoço para comer bem, a um preço acessível, e sem perder muito
tempo. O espaço tem esplanada e uma decoração sóbria e elegante mas com toda uma inspiração asiática, o que se percebe pelos vários origamis de papel desenvolvidos pela empresa João Lopes Candeeiros, com o objetivo de “transportar o máximo de filosofia japonesa ao espaço.”

A opção all you can eat está também na ementa, mas sem perder a qualidade e a exigência. “Não é um restaurante para volume. Queremos apostar na qualidade, no conforto, na decoração… queremos que seja uma experiência”, explica Joaquim Nico. Este menu está disponível ao almoço por 15,50€ ou por 20,90€ ao jantar, sempre com o peixe “o mais selvagem possível”.

Para os verdadeiros apreciadores de sushi, o U.M.I. tem ainda disponível na carta o menu do chef, com peças preparadas no momento com peixe fresco, comprado “quase diariamente na praça”. Para acompanhar as peças, a carta conta com uma variedade de chás e cervejas japonesas como a Sapporo (4€) ou o chá Sakura (4,50€). Das bebidas às sobremesas — e se ainda sobrar algum espaço — termine a viagem pelo Japão com doces “tradicionais e confecionados no espaço”, garante Joaquim Nico.

Do mango sticky rice (4€) ao um brownie de chocolate servido com uma bola de gelado de chá verde (4€) — o difícil é não pedir tudo. Para os fãs de gelados artesanais, pode também optar por pedir uma ou duas bolas de gelado da Santini (3,20€ ou 4,60€,
respetivamente).

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.