"A nossa marca não é só uma marca, mas sim a transmissão de boa energia, positividade e força". É assim que Inês Nogueira, 19 anos, descreve a PorQueRaio — marca que criou em plena pandemia em conjunto com a amiga Catarina Oliveira, de 22. A moda sempre foi uma paixão para ambas, mas quando ingressaram na universidade decidiram enveredar por outras áreas bastante distintas. Inês estuda Comunicação Social e Catarina estudou Gestão Hoteleira, mas, segundo Inês Nogueira, a formação académica tem sido uma mais valia para o desenvolvimento do negócio.

Com muita vontade de fazer a diferença e de ocupar o tempo com algo que considerassem útil, as duas amigas decidiram, em fevereiro de 2020, lançar uma página no Instagram com três modelos de roupa cheios de brilho e onde os raios ocupam um papel de destaque.

Quer a roupa desportiva confortável de Sara Sampaio? Revelamos onde comprar
Quer a roupa desportiva confortável de Sara Sampaio? Revelamos onde comprar
Ver artigo

"A marca começou no pico de uma pandemia e, apesar disso, não quisemos desistir do nosso sonho que era criar algo que não existia no mercado. Algo que tivesse brilho e uma marca com que qualquer cliente se pudesse identificar", começa por contar à MAGG a jovem de 19 anos. "Queríamos uma coisa impactante e sabíamos que tinha de ter brilho. Começámos com as lantejoulas, mas percebemos que nem todas as ideias podiam ser concebíveis e acabámos por evoluir para os glitters", acrescenta Catarina Oliveira.

Na PorQueRaio, os clientes fazem parte do processo de fabrico, já que são eles que escolhem as cores, tanto da peça, como do raio que vem estampado em qualquer uma delas. Além dos modelos Ray I, sweat com raio bordado com lantejoulas nas costas, Ray II, t-shirt com dois raios brilhantes ,e Ray III, sweat com capuz e três raios nas mangas, as jovens vendem ainda sacos e bolsas sustentáveis (7€), ideais para usar no dia a dia. Há roupa tanto para homem como para mulher, e os preços variam entre os 22€ e os 38€.

Marcar a identidade portuguesa foi também sempre o objetivo destas jovens que já viram as suas peças serem enviadas para várias partes do mundo. Catarina conta à MAGG que nunca pensou que fosse possível atingir o sucesso em tão pouco tempo. "Acho que crescemos mesmo muito rápido, mas também temos feito por isso."

Com padrões, curtos e compridos. 22 vestidos até 30€ para começar a primavera em grande estilo
Com padrões, curtos e compridos. 22 vestidos até 30€ para começar a primavera em grande estilo
Ver artigo

Quanto ao nome, Inês explica que sempre quiseram uma expressão tipicamente portuguesa. "Queremos que as pessoas nos conheçam pelo nosso País. Pegámos numa expressão que toda a gente usa no dia a dia e que tinha de ter a palavra 'raio', já que o nosso símbolo é esse. Na nossa opinião, o raio significa a força que qualquer pessoa, seja homem ou mulher, tem de ter no dia a dia para superar as adversidades que, muitas vezes, não são fáceis", remata Inês.

Em apenas um ano, Inês e Catarina não podiam estar mais orgulhosas por já terem visto algumas das suas peças serem usadas por caras conhecidas como Kelly Bailey, Jéssica Athayde ou ainda Joana Albuquerque, a concorrente do "Big Brother" que faz questão de divulgar a marca na casa mais vigiada do País.

A página de Instagram da PorQueRaio conta já com mais de oito mil seguidores e a resposta tem sido tão positivo que as jovens estão já a preparar uma nova coleção que será lançada até ao final do próximo mês. Esta linha contará com cores diferentes como o lavanda, branco e salmão, e no caso das peças masculinas, o nome da marca e o raio passará a ser bordado e não estampado. As encomendas podem ser feitas através das redes sociais Facebook e Instagram e entregues para qualquer parte do mundo.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.