Entre 1978 e 1983, Dennis Nilsen terá matado pelo menos 12 jovens e todos eles rapazes. O modus operandi era sempre o mesmo: depois de conhecer as suas potenciais vítimas num qualquer pub de Londres, Dennis, que durante a infância reprimiu a sua homossexualidade, conduzia-as para a sua casa. Estas, por sua vez, nunca desconfiavam do que lhes esperava porque nada no comportamento daquele homem levantava suspeitas ou fazia prever um desfecho inesperado.

Era na sua casa que Dennis matava os rapazes que aceitavam ir com ele, geralmente através da asfixia ou do afogamento. Após o crime, o serial killer vestia os corpos das vítimas e guardava-os durante longos períodos de tempo em sua casa. Quando entendesse ser a altura de se desfazer deles, cortava-os em pedaços e queimava-os numa fogueira ou despejava-os pelos canos.

Considerado um dos casos mais mediáticos de Londres na altura, é agora recordado numa nova série britânica chamada “Des” — protagonizada por David Tennant no papel do serial killer.

Ao longo dos episódios, e são apenas três, a série dá a conhecer todos os detalhes do caso, mas também a forma como o assassino foi apanhado. E tudo aconteceu de forma aleatória quando um dos seus vizinhos ligou para a polícia por suspeitar de que os esgotos do bairro estavam entupidos com ossos humanos.

8 séries incríveis (e viciantes) para quem já não aguenta a espera por “Peaky Blinders”
8 séries incríveis (e viciantes) para quem já não aguenta a espera por “Peaky Blinders”
Ver artigo

Após a denúncia, a confirmação: havia um serial killer à solta que, durante cerca de cinco anos, foi capaz de passar despercebido às autoridades. A explicação, uma de muitas, era simples: trata-se de um homem aparentemente normal, sem desvios comportamentais que pudessem prever um desfecho destes. 

“Des”, que em Portugal está inteiramente disponível na HBO, acompanha os esforços da polícia britânica em perceber não só as motivações para os crimes, mas também a identidade das vítimas. E ainda que se saiba que as suas vítimas foram, pelo menos, 12 jovens, quatro rapazes assassinados entre 1980 e 1981 continuam por identificar.

Do elenco da série fazem parte nomes como Daniel Mays, Jason Watkins e ainda Ron Cook.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.