Anunciada como uma das grandes contratações da CNN Portugal, em 2021, Judite Sousa bateu com a porta e abandonou o canal. A revelação foi feita de forma inusitada nas redes sociais por Judite Sousa que, num comentário, respondeu a uma seguidora, dizendo que já não estava no canal "há um mês e meio". Noutro comentário, entretanto apagado, e citado pelo Observador, a jornalista explica: "Denunciei o meu contrato a recibos verdes há mês e meio". A pivô fez ainda um post a dizer que já não é "figura pública". "Há um mês e meio que sou uma cidadã portuguesa que faz a sua vida e paga os seus impostos". 

O diário digital adianta que Judite Sousa estava de baixa há mais de um mês. A MAGG sabe que a jornalista foi pela última vez às instalações de Queluz de Baixo ainda durante o mês de junho, não tendo voltado a apresentar o noticiário "Jornal da CNN", cuja condução alternava com Júlio Magalhães. Esta é a segunda vez que a jornalista de 61 anos sai da Media Capital. Em 2019, após oito anos na TVI, rescindiu contrato com o canal.

Esta não será a única baixa do canal de notícias de Queluz de Baixo. De acordo com o "Expresso", Pedro Mourinho também está de saída e a caminho da CMTV.

DECISAO 22 - CNN PORTUGAL E TVI
Pedro Mourinho créditos: TVI

A MAGG sabe que as conversas informais com o canal do grupo Cofina começaram há várias semanas, tendo o jornalista sido visto nas instalações da CMTV ainda durante a primavera, depois de ter voltado pela primeira vez da Ucrânia, onde esteve como enviado do canal a fazer cobertura do conflito armado. Pedro Mourinho mudou-se da SIC, estação onde esteve durante 20 anos, para a TVI em julho de 2020, tendo depois transitado para a CNN Portugal em novembro, aquando do lançamento do canal de notícias.

O jornalista começou por ser um dos subdiretores de informação do grupo Media Capital (tendo sob a sua alçada este departamento na TVI e CNN Portugal). Em fevereiro deste ano, a direção do canal de notícias sofreu uma reformulação profunda, e o jornalista passou a ocupar o cargo de Diretor Executivo de novos formatos e Talento. 

A MAGG entrou em contacto com o gabinete de comunicação do canal para obter mais esclarecimentos sobre estas duas saídas o que, até ao momento, ainda não foi possível.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.