A Pipoca Mais Doce é presença assídua nos diários do "Big Brother". Esta segunda-feira, 20, não esteve presente, mas recorreu às suas plataformas oficiais para fazer um balanço do jogo e dos concorrentes, com destaque para Ana Morina e Bruno Gomes d'Almeida.

"Big Brother". Flávio Furtado sobre Bruno. "Ser-se estúpido é um problema muito grave"
"Big Brother". Flávio Furtado sobre Bruno. "Ser-se estúpido é um problema muito grave"
Ver artigo

"O meu ar complacente a olhar para os concorrentes que vão para o 'Big Brother' com as suas causas enlatadas e uma superioridade moral que só faz sentido na cabeça deles", lê-se na fotografia partilhada no Instagram, onde se vê Ana Garcia Martins na gala de domingo passado.

Sobre Ana Morina, os comentários começaram nas stories, com um pedido para explicarem à concorrente "o que é a sororidade" e que esta "não pode usar o conceito só para o que lhe convém".

Na legenda da fotografia, A Pipoca Mais Doce explicou que a participante (referindo-se a Ana Morina) "que mal sabe pronunciar sororidade (...) não nomeia mulheres desde que as mulheres não a nomeiem". "Se ousarem pronunciar o nome dela em noite de nomeações, lá se vai a sororidade com o car@£ho e é o salve-se quem puder", acrescentou a comentadora do programa da TVI.

"Já o Bruno, acha que o simples facto de ser ativista (ou assumir-se como tal) o escuda de tudo e mais alguma coisa", escreveu Ana Garcia Martins no Instagram. "E lá vai espalhando a sua arrogância, infantilidade, petulância, intolerância e um rabinho cheio de privilégios."

Para a comentadora, o "Big Brother", "que chega a tanta gente, pode (e deve) servir de palco a assuntos importantes, pode ajudar a mudar mentalidades, a eliminar preconceitos, a fazer pensar". A Pipoca Mais Doce considera que "é muito essa a beleza do jogo".

"Há espaço para ensinar e também para aprender, assim haja essa vontade, em vez de se espetar com chico-espertismo na cara dos outros", afirma a comentadora, rematando com um apelo."Não venham é de bandeiras hasteadas em defesa de um rol de causas quando — está na cara — a única causa que defendem é a própria. Menos, filhos, muito menos".

A Pipoca Mais Doce é presença assídua nas galas de domingo do "Big Brother" e tem sido a única comentadora nos diários da tarde, conduzidos por Mafalda Castro e Helena Coelho.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.