O "Big Brother Famosos" regressa à TVI em 2022 e Bruno de Carvalho tem sido apontado como um possível concorrente.

Até ao momento, o convite ainda não chegou. Sem garantir que entraria no reality show, o ex-presidente do Sporting conta que ponderava, mas o convite teria que ser duplo. "Se fosse eu e o João Quadros, o meu sócio, aí, sim, pensava seriamente. Ia ser o melhor programa do Mundo. (...) Seríamos uma dupla nunca antes vista em televisão", avançou, em entrevista à TV 7 Dias. João Quadros, humorista, guionista e sportinguista ferrenho, sempre demonstrou publicamente o seu apoio a Bruno de Carvalho.

Bruno de Carvalho confessou que não é fã do formato, mas, caso fosse concorrente, não se importaria com os restantes moradores da casa dado que, "a maior parte das pessoas" com que cruzou, ao longo da vida, são "muito pouco interessantes, mas acham-se muito interessantes". "Os 'wannabes', para mim, são terríveis."

“Big Brother Famosos”. Ex-concorrentes do reality show não vão participar no programa
“Big Brother Famosos”. Ex-concorrentes do reality show não vão participar no programa
Ver artigo

Já na diretora de Entretenimento e Ficção da TVI, identifica semelhanças consigo. "Somos duas pessoas de extremos. A Cristina Ferreira não deixa ninguém indiferente, o Bruno de Carvalho também não. As pessoas ou nos amam ou nos odeiam. Ela pode pensar assim: 'Ele é uma Cristina Ferreira homem' e eu penso 'a Cristina Ferreira é um Bruno de Carvalho em mulher'".

Em entrevista à TV 7 Dias, o ex-presidente do Sporting recordou que já se cruzou com a apresentadora, por diversas vezes. O último encontro, foi pautado por uma zanga — por causa da ex-mulher, Joana Ornelas —, momento que aproveitou para lhe dar conta das referidas parecenças: "A mim, chamam-me labrego, a si [Cristina Ferreira], chamam-lhe histérica; tudo o que conseguiu foi a pulso e é a saloia da Malveira. Eu vim de Moçambique e tudo o que consegui foi arregaçando as mangas e trabalhando."

Do futebol para o teatro e para as discotecas

Sem certezas de que o "Big Brother Famosos" fará parte do futuro, Bruno de Carvalho revela-se decidido a apostar na área do Entretenimento, carreira na qual se vê até ao fim da vida. "Abri uma empresa onde tenho alguns sócios, um deles é o João Quadros, na parte do humor. A empresa tem a ver com restauração, bar, clube de música, clube de humor, lançamento de novos músicos e humoristas, portanto, uma forte parte cultural e uma parte de interação social."

Afastado do futebol está a trabalhar como ator, numa peça de teatro, de comédia, da sua autoria. com estreia prevista para março de 2022, intitula-se "Bardamerda para o Terrorista" e o ex-presidente do Sporting assegurou à TV 7 Dias que não é "um ajuste de contas". "É o início e o fim da carreira de um terrorista. (...) Sou só eu em palco, porque eu sou quem tem experiência em terrorismo." Além do guião, tratou, também, da letra do fado que é tema de abertura e fecho da peça.

Concomitantemente, tem passado as noites a animar discotecas, como DJ e promete um calendário de eventos para o ano que vem, sublinhando o desejo de fazer "coisas originais na eletrónica e no techno". Ainda assim, revela que não pretende que esta seja a sua nova "profissão" e que, mais que dinheiro, se trata de um gosto pessoal, que o faz "sentir bem".

"A veia artística" e a "parte de DJ" vão complementar-se num projeto que estava dentro da caixa há mais de dez anos: BClub Experience é outro dos próximos projetos de Bruno de Carvalho e terá um espaço físico, na zona de Lisboa e uma vertente "on tour".

Bruno de Carvalho foi destituído da presidência do Sporting, em 2018, numa Assembleia Geral Extraordinária, que aconteceu na sequência dos ataques à academia do clube, em Alcochete.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.