O ambiente na tarde desta quinta-feira, 28 de janeiro, aqueceu na casa do "Big Brother - Duplo Impacto". A agitação deveu-se não só à expulsão de Hélder, que sofreu a sanção máxima do jogo após fazer a saudação nazi, mas também com a chegada de um novo concorrente. Pedro Fonseca, o terceiro classificado do "BB - A Revolução", regressa ao jogo com "boa disposição e alegria".

Antes de entrar na casa, Pedro trocou algumas palavras com o soberano da casa e afirmou que parece nunca ter saído do reality show da TVI. "Parece que nunca saí daqui, que fui só ali tomar um café", disse o agora participante do "Big Brother - Duplo Impacto".

"Vou ser eu próprio como sempre fui. Vou dar o meu melhor, com boa disposição e alegria", garantiu o ilusionista. "A terra dos mágicos está em confinamento, não pude trazer truques novos", atirou, em jeito de brincadeira. Quanto aos colegas de jogo, o mágico espera que seja recebido na casa de forma "calorosa".

Hélder expulso do "Big Brother" após ter feito saudação nazi
Hélder expulso do "Big Brother" após ter feito saudação nazi
Ver artigo

É a segunda vez que Pedro Fonseca entra a meio do reality show, tal como aconteceu no "Big Brother - A Revolução". Antes disso, o terceiro classificado da edição em que Zena se sagrou vencedora, tentou a sua sorte num outro programa. O ilusionista candidatou-se ao programa "O Carro do Amor", da SIC, no início de 2019, para tentar encontrar o amor. O também empresário estava, na altura, solteiro há cinco anos e assim continuou, uma vez que não teve grande sorte no dating show da estação de Paço de Arcos.

Veja aqui o concorrente no programa da SIC.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.