Bruno Savate e Joana Albuquerque, o primeiro (e até agora único) casal do "Big Brother - Duplo Impacto" têm protagonizado momentos de tensão. Esta terça-feira, 2 de março, o casal passou o dia todo a discutir, trocando acusações e queixas.

Tudo começou com uma carta que Savate endereçou à namorada e que mereceu críticas irónicas. Joana criticou os erros ortográficos de Bruno, o que terá espoletado a tensão. "Estávamos a falar e tu não estavas a aceitar o que eu estava dizer, o que por norma... tu não me vais deixar falar", disse Savate. "É recíproco", atirou Joana.

A Pipoca Mais Doce sobre depressão de Savate. "É bom que os colegas não brinquem com isto"
A Pipoca Mais Doce sobre depressão de Savate. "É bom que os colegas não brinquem com isto"
Ver artigo

"A carta é para ti. Aí prova-se o que tu estás a ser, mais uma vez, para mim. Não aceitas uma crítica construtiva. Só o facto de me entregares uma carta já dás a entender que não aceitas nada que seja contra ti. Devias aceitar críticas construtivas. Não aceitas nada vindo de mim que não seja de acordo para contigo", queixou-se Savate.

Veja aqui o vídeo desse momento.

À noite, na cozinha, o casal volta a falar sobre o tema. Bruno diz que Joana valorizou mais uma carta de uma amiga do que a sua. "Porque é que fazes isso?", questionou o empresário. "Olha Bruno, não sei o que fazer mais", disse Joana.  "Se concordas com eles, se achas que eu não te dou espaço, se eu sou assim uma pessoa tão má como tu dizes que eu sou...", acrescentou a concorrente de Cascais.

"A única coisa que eu concordo é que tu devias aceitar a opinião dos outros e que devias respeitar, dar espaço nas cadeiras quentes para eu falar", diz Savate. "Mas eu dou-te espaço nas cadeiras quentes. Se quiseres ofender-me, ofende. Se quiseres, insulta-me. Eu dou-te espaço. Queres ofender-me? Ofende", respondeu a jovem. Joana pediu a Savate para não lhe cobrar e o empresário disse que não o faz.

Veja aqui esse momento

No "Extra" desta terça-feira, os comentadores analisaram o estado da relação. "Eles os dois, vai para aqui um estrugido. Não tem ponta por onde se lhe pegue", disse Fanny Rodrigues. Já Ana Garcia Martins acredita que a discussão vai acabar em reconciliação.

"Esta discussão vai acabar a fazerem as pazes. Não há memória de um casal que tenha começado e acabado dentro da casa. Eles acabarão sempre a cair nos braços um do outro, como tem acontecido. Isto é um ciclo vicioso. Há casais que gostam de viver nesta dinâmica de discussão permanente. Eu acho extremamente cansativo e desgastante", explicou a comentadora.

A Pipoca Mais Doce acrescenta ainda que tem dúvidas que a dinâmica da relação mude porque não acredita que as personalidades de ambos se alterem. "Acho que podes sempre fazer cedências numa relação, mas há coisas que não podes mudar. Eles têm personalidades muito fortes e muito temperamentais. E isso pode ser algo que inviabilize a relação", disse a influenciadora digital.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.