A dimensão do areal, a influência das marés, as regras de distanciamento e a disposição dos acessos aos lugares de estacionamento são alguns dos critérios utilizados pela Agência Portuguesa do Ambiente que, esta quarta-feira, 28 de maio, divulgou várias listas que dão conta das praias com maior e menos lotação do país, como forma de evitar a propagação da COVID-19.

Tendo em conta as regras de segurança do distanciamento social, a associação considera que cada pessoa deve utilizar 8,5 metros quadros do areal como zona de distância de segurança.

Na zona de Lisboa e Oeste, a Nazaré está no topo do pódio no que diz respeito à sua capacidade de lotação —  podem lá estar 17 mil pessoas.

10 praias a 1 hora de Lisboa para fugir às multidões da Costa da Caparica
10 praias a 1 hora de Lisboa para fugir às multidões da Costa da Caparica
Ver artigo

As praias com mais lotação nas zonas de Lisboa, Costas e Oeste

1. Nazaré — 17.100 pessoas
2. Fonte da Telha — 14.500 pessoas
3. Carcavelos, Linha de Cascais— 12.100
4. São João da Caparica, Costa da Caparica — 9700 pessoas
5. Foz do Lisandro, Ericeira —  5300 pessoas
6. Cova do Vapor — 4.400 pessoas
7. Praia da Rainha, Costa da Caparica —  4200 pessoas
8. Praia de Santo Amaro, Linha de Cascais — 4100
9. Praia da Riviera — 4100 pessoas
10. Praia da Morena, Costa da Caparica — 3.400

As praias com menos lotação nas zonas de Lisboa, Costas e Oeste

1. Praia da Azurujinha — 100 pessoas
2. Pedra de Ouro — 100 pessoas
3. Pescadores, 130 pessoas
4. Água de Maderos — 150 pessoas
5. Formosa, 150 pessoas
6. Praia das Avencas — 200 pessoas
7. Praia da Rainha — 200 pessoas
8. Porto da Areia Azul — 200 pessoas
9. Ribeira d'Ilhas — 300 pessoas
10. Coxos — 400 pessoas

Veja a lista completa com todas as praias.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.