"Como é que o Bicho Mexe" voltou. Depois de os diretos de Bruno Nogueira — que aconteceram durante o primeiro período de confinamento no início do ano — terem ganho popularidade e uma legião de fãs, as novas regras face à COVID-19, que impuseram novo recolher obrigatório durante as noites da semana e a partir das 13h ao sábado e ao domingo, foram o mote perfeito para o regresso do humorista, que ao longo de quase duas horas fala sobre tudo e nada num direto na sua página oficial de Instagram, acompanhado de outras personalidades familiares do público — mas não só.

Foi na quinta-feira, 12 de novembro, que Bruno Nogueira anunciou o regresso. "Talvez juntos custe menos", escreveu na sua página de Instagram, onde também revelou a data do direto, marcado para o dia seguinte, sexta-feira, a partir das 23h. O humorista não falhou, e muito menos os fãs. Ao longo do direto na popular rede social, mais de 116 mil pessoas chegaram a assistir às conversas de Bruno Nogueira com os amigos.

"Como é que o Bicho Mexe". Veja aqui os 10 melhores momentos dos diretos que pararam o País
"Como é que o Bicho Mexe". Veja aqui os 10 melhores momentos dos diretos que pararam o País
Ver artigo

Tal como era habitual nos últimos diretos do "Como é que o Bicho Mexe", os seguidores que estavam a assistir podiam fazer uma doação solidária para uma instituição. Esta sexta-feira, a Operação Nariz Vermelho foi a escolhida, e em cerca de quatro minutos, foram arrecadados mil euros, valor que ficaria muito aquém da soma total no final da noite: foram recolhidos 1300 donativos e doados quase dez mil euros (9.829€, para sermos mais exatos).

A fazer companhia a Bruno Nogueira estiveram os "suspeitos do costume", a lembrar outros tempos. A emissão começou com Nuno Markl, terminou com Filipe Melo ao piano, e entre eles surgiram nomes bem conhecidos como Albano Jerónimo, Inês Aires Pereira, Ljubomir Stanisic, Jessica Athayde, Beatriz Gosta, Nuno Lopes, Salvador Martinha, João Manzarra (a partir das Maldivas), Joana Duarte e Mariana Cabral, também conhecida como Bumba na Fofinha.

Esta não foi a única emissão do "Bicho", que regressa este sábado e domingo, a partir das 23 horas. No mesmo direto, Bruno Nogueira falou também do documentário que acompanhou a última emissão dos diretos em maio, e que fez chegar o Natal aos portugueses da Grande Lisboa.

Apesar de ainda não existir data de estreia definida, sabe-se que o documentário, com o nome "O Natal de Maio", vai estrear na OPTO SIC, a nova plataforma de streaming do canal de Paço de Arcos (disponível a partir de 24 de novembro), e Bruno Nogueira já revelou o trailer.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.