Há mais 73 mortes e 3384 novos casos de infeção em Portugal pelo novo coronavírus. São estes os dados divulgados este domingo, 3 de janeiro, pela Direção-Geral da Saúde (DGS), no novo boletim epidemiológico.

Na noite deste sábado, 2 de janeiro, a Câmara Municipal de Montemor-o-Novo deu conta de um surto de COVID-19 no Lar da Santa Casa da Misericórdia de Cabrela. Em causa estão cinquenta e quatro casos ativos que estão já a ser acompanhados pela Câmara Municipal e pelo Serviço Municipal de Proteção Civil, avança o município no Facebook. Até este sábado o concelho de Montemor-o-Novo registou um total de 466 casos de COVID-19.

Quanto às vacinas contra o novo coronavírus, sabe-se agora que não devem ser misturadas doses de farmacêuticas diferentes. O aviso é dado pela instituição de saúde britânica Public Health England (PHE).

15 perguntas e respostas para saber tudo sobre a vacina da COVID-19
15 perguntas e respostas para saber tudo sobre a vacina da COVID-19
Ver artigo

"Não recomendamos misturar as vacinas contra a covid-19. Se a primeira dose da vacina é da Pfizer, não se deveria dar a da AstraZeneca na segunda dose e vice-versa", disse a responsável pelo programa de vacinação do Reino Unido e chefe de imunizações no PHE, Mary Ramsa, à Sky News, ressalvando que tal pode acontecer "em raras ocasiões". As exceções serão apenas quando outro tipo de vacina não estiver disponível ou quando não é possível saber qual a vacina administrada na primeira dose.

A recomendação surge antes de o Reino Unido dar início ao reforço da campanha de vacinação com o fármaco da Oxford/AstraZeneca, aprovado pelo país a 30 de dezembro.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.