Está a formar-se sobre a zona da Sibéria, na Rússia, um fenómeno meteorológico a que foi dado o nome de "Besta do Leste", que, de forma simples, consiste na concentração de uma enorme massa de ares gelados que deverão, depois, descer por toda a Europa central e chegar a Espanha, primeiro, e a Portugal, depois. Os meteorologistas estão atentos a esta situação, que não é nova, e já ocorreu noutros períodos da história, como em fevereiro de 1956, naquele que foi um dos invernos mais frios da Europa. Não há ainda a certeza sobre os caminhos que os ventos gelados da Sibéria irão tomar, mas, de acordo com a forma como esta Besta do Leste se está a formar, tudo indica que o destino seja a Europa do sul.

Mas o que é esta Besta do Leste? É uma gigantesca concentração de ares gelados que acontece de forma mais ou menos regular nas zonas mais frias da Rússia, nomeadamente na região siberiana, onde as temperaturas são mais baixas nesta altura do ano. Esses ares gelados são depois transportados para outras regiões, podendo tomar diferentes direções, daí não ser frequente que atinjam as zonas mais a sul da Europa.

Para que se forme esta Besta do Leste "é necessário que ocorram vários fatores", como explica o site espanhol "El Tiempo", especializado em meteorologia. "Em primeiro lugar, é desejável que exista uma elevada cobertura de neve sobre o território russo. Em 2022, por exemplo, a cobertura de neve é alta", avança a mesma publicação. O passo seguinte é a estabilização da atmosfera. "Uma massa de ar estável no Inverno favorece uma queda de temperatura. Como há pouca radiação solar e cobertura de neve, o calor não se pode acumular". Ou seja, desta forma está criada a tal grande concentração de ares gelados. Agora, é preciso que ela chegue ao sul. E como é que isso pode ocorrer? "É preciso que um forte bloqueio anticiclone se forme e se posicione entre a Rússia e a Escandinávia. Isto criará um corredor de ventos que empurrará os ares gelados" para sul, explica o "El Tiempo".

Quiz. Metereologia ou meteorologia? Consegue acertar na forma correta destas 12 palavras?
Quiz. Metereologia ou meteorologia? Consegue acertar na forma correta destas 12 palavras?
Ver artigo

Em fevereiro de 1956, ocorreu um dos mais dramáticos casos de formação desta Besta de Leste, que trouxe os ventos gelados até Espanha e Portugal, com temperaturas abaixo de zero em toda a região ibérica, mesmo durante o dia, durante um período considerável de tempo. Pode observar-se isso mesmo na imagem principal deste texto, referente à Besta de Leste de 1956.

De acordo com as análises dos meteorologistas, estas mesmas condições estão a formar-se neste momento, favorecendo não só a concentração de ares gelados sobre a Sibéria como a criação do corredor que os pode trazer para sul. "A configuração atmosférica no hemisfério norte, e mais especificamente na Europa, começa a ser favorável a um influxo de ar continental frio. Neste momento, um forte anticiclone está sobre as estepes russas cobertas de neve. O ar está a arrefecer nas camadas inferiores, e está tudo a ficar no lugar certo", refere o "El Tiempo". A ocorrer, estas massas geladas poderão chegar à região ibérica no início de dezembro.

Não é certo que tudo venha a encaixar-se e a acontecer como está previsto, precisamente porque se está a falar de uma previsão, que é sempre incerta, e os fatores meteorológicos podem alterar-se. Mas a verdade é que "os padrões e tendências atmosféricas parecem apontar para uma possibilidade significativa de tal situação", diz ainda o "El Tiempo".

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.