São imagens chocantes e mostram uma idosa de 76 anos a ser repetidamente agredida, física e verbalmente, humilhada e ameaçada pela dona do lar ilegal onde estava acolhida, na localidade de Betunes, perto de Loulé, Algarve. As imagens, divulgadas esta quinta-feira, 13 de outubro, no programa "Casa Feliz", da SIC, chegaram também às autoridades, que agiram de imediato. Na segunda-feira, dia 10, a GNR de Loulé deteve a agressora, de nome Donzília, de 56 anos, "em flagrante delito", avança o Casa Feliz, e encerrou o estabelecimento.

Imagens chocantes do lar ilegal
Imagens chocantes do lar ilegal

Nas imagens, é possível ver uma idosa — é sempre a mesma — a varrer o pátio do lar ilegal. A dona vai até perto dela e começa a insultá-la, a dizer que não sabe apanhar o lixo, que é "uma velha", "uma sonsa de merda" e que "só serve para comer". Noutras imagens, vê-se a mesma dona do lar a retirar violentamente a vassoura das mãos da idosa e a agredi-la com o cabo de madeira. Em vários outros vídeos vê-se a forma como a idosa se sente amedrontada pela forma violenta como Donzília fala para ela, e são mostradas cenas de estaladas repetidas na cara da idosa. Talvez uma das imagens mais chocantes mostradas na SIC é aquela em que se vê a idosa a ser forçada a fazer as suas necessidades nesse mesmo pátio em que aparece a varrer, para dentro de um balde, sob a supervisão da dona do lar.

Imagens chocantes do lar ilegal
Imagens chocantes do lar ilegal

Ainda de acordo com o divulgado na reportagem de Casa Feliz, estavam neste lar ilegal seis idosos, cinco mulheres e um homem. A idosa que surge no vídeo, segundo a reportagem emitida no programa, passaria os dias a varrer o pátio, mesmo quando não havia lixo para apanhar, estava proibida de se sentar e se o fizesse era agredida ou castigada.

Após a detenção da dona do lar, a GNR e os bombeiros de Loulé retiraram os idosos das instalações e enviaram-nos para casa de familiares ou outras instituições de acolhimento. A mulher foi presente a um juiz, indiciada do crime de maus-tratos, e, após ser ouvida, saiu em liberdade com a media de coação mais baixa, o termo de identidade e residência, ficando apenas proibida de exercer atividades com idosos e crianças e de contactar com as pessoas que estavam no seu lar ilegal bem como com os familiares.

Imagens chocantes do lar ilegal
Imagens chocantes do lar ilegal

O comentador Hernâni Carvalho mostrou em estúdio, no decorrer do Casa Feliz, o ofício da Segurança Social de 28 de abril de 2022 que decretava "o encerramento compulsivo" deste lar ilegal. "Decreta-se o encerramento imediato de um estabelecimento sem denominação com as seguintes características: estrutura residencial para pessoas idosas e centro de dia, com fins lucrativos, não licenciado, funcionando sob propriedade da dona Donzília e instalado no sítio de Betunes", citou o comentador da SIC. "Foram encontradas deficiências graves nas condições de instalação, segurança, salubridade, higiene e conforto, representando perigo para os utentes e para a sua qualidade de vida.

Após a receção deste ofício, a dona do espaço tinha 30 dias para cumprir o determinado, mas não o fez. Ainda de acordo com o programa da SIC, a dona deste estabelecimento nunca deu entrada com nenhum processo com a intenção de licenciar ou regularizar o lar.

Pode ver as imagens do vídeo aqui.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.