Uma menina de 10 anos morreu este fim de semana depois de um acidente de viação causado por um condutor alegadamente embriagado. O incidente ocorreu na noite de sábado, 10 de outubro, na A1, sentido norte-sul, junto à localidade de São João da Talha, no concelho de Loures.

A vítima estava no carro com a mãe e a irmã mais nova, de 8 anos, quando a viatura foi atingido por trás, levando-a a embater num outro carro que seguia à frente. A traseira da viatura da mulher e das duas crianças foi abalroada, e os três carros espalharam-se pela faixa de rodagem.

Agente envolvido no acidente na Golegã é detido após recusar fazer o teste do álcool
Agente envolvido no acidente na Golegã é detido após recusar fazer o teste do álcool
Ver artigo

Depois do embate, o condutor que bateu por trás ainda tentou fugir pela berma da auto-estrada, avança o "Correio da Manhã", mas foi agarrado por um agente da Polícia de Segurança Pública que se encontrava no local, apesar de estar de folga.

O homem de 32 anos estaria alcoolizado, e realizou um teste ao sangue para apurar níveis de alcoolemia já no Hospital de Santa Maria — mas saiu em liberdade após alta hospitalar.

Leonor Barbosa, 10 anos, foi a única vítima mortal do acidente, que causou seis feridos. O caso da menina era aquele que inspirava mais cuidados desde que os mecanismos de urgência chegaram ao local do acidente, e Leonor acabaria mesmo por morrer na madrugada de domingo, no Hospital de Santa Maria.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.