Esta quarta-feira, dia 1 de julho, foi emitida durante "O Programa da Cristina", a rubrica "Análise Criminal", com uma entrevista especial com a mãe de Valentina, a menina de nove anos assassinada pelo pai em maio deste ano. Na reportagem assinada por Ana Paula Felix, pode ver-se Sónia Fonseca preocupada e à procura de respostas, no entanto não tão abalada como muitos estariam à espera —incluíndo os comentadores.

Após assistirem à entrevista, o painel de especialistas deu a sua opinião sobre a mãe da menina assassinada. Hernâni Carvalho foi o primeiro: "Tenho muitas dúvidas sobre este caso e há coisas que eu não percebo ditas por este, por aquele e pelo outro, e há intérpretes deste caso em que eu não acredito", revela o jornalista.

Valentina. Irmão de 12 anos que denunciou o crime está em choque e não tem apoio psicológico do Estado
Valentina. Irmão de 12 anos que denunciou o crime está em choque e não tem apoio psicológico do Estado
Ver artigo

A mãe de Valentina Fonseca apresenta-se à procura de respostas, como o porquê de o ex-companheiro ter feito o que fez à filha. "Eu penso que foi alguma coisa que a Valentina viu e que se passou dentro da casa dele. O porquê é aquela resposta que ainda me falta", contou Sónia Fonseca.

Já a psicóloga Vera de Melo, assumiu que estava à espera de ver Sónia Fonseca num outro estado. "Aparentemente, ela está melhor e isso significa que está a ser acompanhada", começa a comentadora. "Eu imaginava que fôssemos encontrar uma mulher com mais sofrimento, mais perdida. Ou então ainda está um pouco anestesiada com tudo isto", acrescenta.

Recorde-se que Valentina Fonseca foi assassinada em maio deste ano pelo pai, Sandro Bernardo, de 32 anos. Após o crime, o homem escondeu o cadáver da filha num campo de eucaliptos a seis quilómetros da sua casa, onde matou a menina.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.