Vishal Garg, o CEO que despediu 900 trabalhadores numa videochamada por Zoom, foi afastado do cargo por tempo indeterminado, anunciou a Better.com. A empresa norte-americana comunicou aos funcionários a decisão esta sexta-feira, 10 de dezembro.

Num e-mail a que o "Wall Street Journal" teve acesso, a empresa descreve o despedimento por Zoom levado a cabo por Vishal Garg na semana passada como "bastante lamentável" e acrescentou ainda a contratação de uma empresa externa para avaliar a cultura de liderança da Better.com.

CEO de empresa norte-americana despediu 900 trabalhadores numa chamada por Zoom
CEO de empresa norte-americana despediu 900 trabalhadores numa chamada por Zoom
Ver artigo

Agora afastado do cargo por tempo indeterminado, Vishal Garg já tinha feito um pedido de desculpas público no site da empresa pela forma como lidou com o despedimento dos 900 funcionários. "Assumo responsabilidades pela decisão, mas falhei ao comunicá-la", escreveu o ex-CEO.

"Se está nesta chamada, faz parte do grupo azarado que vai ser despedido", disse Vishal Garg, diretor-executivo da Better.com, na videoconferência com os funcionários, posteriormente divulgada nas redes sociais, que lhe causou o afastamento do cargo de CEO.

A atitude de Vishal Garg deixou os funcionários incrédulos. "Da última vez que fiz [isto], chorei", disse Garg à equipa durante a chamada, onde acrescentou ainda que "gostaria que as notícias fossem diferentes" e que estivessem a prosperar, avança a BBC News.

O cargo de CEO da Better.com foi entregue temporariamente ao CFO da empresa norte-americana, Kevin Ryan.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.