Recentemente, a Polícia Judiciária divulgou a imagem do suspeito de um crime de violação que aconteceu em maio do ano passado, no recinto onde decorriam as festividades da semana académica do Porto. O comunicado da PJ deverá dizer respeito a uma jovem de 20 anos que despertou seminua na manhã seguinte às celebrações académicas no Porto, em 2019.

O homem da imagem divulgada no portal da Polícia Judiciária, que disse ter 28 anos e chamar-se Santiago, expressa-se com sotaque castelhano, o que poderá indicar tratar-se de um cidadão natural ou com origem em Espanha. A PJ caraterizou, ainda, o suspeito como sendo "caucasiano e de compleição física normal".

Suspeito violação queima-fitas Porto
créditos: © Polícia Judiciária

Em causa está o ocorrido com uma jovem de 20 anos, naquela data, em que esta despertou seminua na manhã seguinte às festividades da queima das fitas do Porto. Apesar de, à época, a PJ ter descartado o indício de violação, agora vem a público a imagem de um homem que poderá estar relacionado com esses acontecimentos. A jovem chegou a ser examinada no hospital Pedro Hispano, em Matosinhos, para se averiguar a possibilidade de ter sido violada. 

Brasil: Justiça demorou uma semana a autorizar aborto para criança de 10 anos violada pelo tio
Brasil: Justiça demorou uma semana a autorizar aborto para criança de 10 anos violada pelo tio
Ver artigo

A PJ apela a que todas as informações relativas ao suspeito sejam comunicadas através dos telefones 225 582 000 (geral), 225088644 (piquete), por email para directoria.porto@pj.pt ou ainda para qualquer departamento da Polícia Judiciária, fazendo referência ao número da difusão (nº 7/2020).

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.