A duas semanas do início (oficial) do verão, a estação parece ter chegado mais cedo que o previsto — e mesmo a tempo dos Santos Populares, que, por norma, se querem encalorados. E assim serão, de acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

No que toca a Lisboa, as temperaturas vão oscilar entre 0s 28 e os 30ºC, portanto, tente não se esquecer de aplicar algum protetor solar antes da famosa sardinhada. Já no Porto, os termómetros não deverão ultrapassar os 24ºC, uma temperatura mais amena, graças aos ventos do litoral.

Estamos rendidos aos novos biquínis de edição limitada da Calzedonia (com vibe de Bond girl)
Estamos rendidos aos novos biquínis de edição limitada da Calzedonia (com vibe de Bond girl)
Ver artigo

Em Faro, as temperaturas irão atingir os 34ºC, um convite quase irrecusável para ir molhar o pezinho à praia. Na zona norte do país será bem mais moderado, já que as máximas, em distritos como Aveiro, Porto e Viana do Castelo, não ultrapassarão os 21ºC.

Já no que toca ao distrito mais a sul de Portugal, a temperatura mínima será de 19ºC, atingindo quase o pico do calor dos acima mencionados. Se vai estar por Bragança, a história é outra: prepare-se para mínimas de 11ºC. Estas tendências manter-se-ão, pelo menos, até sábado, como nota a TVI.

E com calor vêm os incêndios. Esta terça-feira, de acordo com o IPMA, há oito concelhos em risco máximo de incêndio: Abrantes, Tomar, Loulé, Vila Nova da Barquinha, Sardoal (Santarém), Gavião (Portalegre), São Brás de Alportel e Tavira (Faro). Mas há outras dezenas (mais de 40) em perigo muito elevado.

Desde Faro a Bragança (incluindo Beja, Leiria, Coimbra, Santarém, Portalegre, Castelo Branco, Guarda e Viseu), existe uma forte possibilidade de se registar este fenómeno. O IPMA mede o risco de incêndio com cinco níveis, que variam entre o reduzido e o máximo.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.