Coroada rainha a 2 de junho de 1953, Isabel II tornou-se oficialmente monarca após a morte do pai, o rei Jorge VI, a 6 de fevereiro de 1952. 2022 é o ano em que a rainha celebra o seu Jubileu de Platina, ou seja, 70 anos como regente. E as celebrações daquele que é o mais longo reinado da história do Reino Unido já foram anunciadas.

A festa vai acontecer ao longo de 2022 e culmina com o Fim de Semana do Jubileu, quatro dias de feriado, de 2 a 5 de junho. Nestes quatro dias acontecerão várias atividades comunitárias bem como "momentos nacionais de reflexão" sobre os 70 anos de serviço público da monarca, anuncia a casa real britânica.

À boa maneira britânica, e a fazer lembrar programas culinários como "The Great Britsh Bake off", vai haver uma competição a nível nacional intitulada "Platinum Pudding", algo como "A Sobremesa de Platina". Residentes no Reino Unido com idades acima dos 8 anos terão de criar uma sobremesa alusiva à ocasião e os finalistas serão submetidos ao crivo de um painel de jurados composto por Mary Berry, Monica Galetti e Mark Flanagan, o chef executivo da casa real.

Tal como aconteceu no Jubileu de Diamante, em 2012, a BBC transmitirá um concerto ao vivo com artistas de todo o mundo, intitulado "BBC Platinum Party at the Palace". Um concurso com artistas, bailarinos, músicos, militares e voluntários, no qual os participantes contarão a história do reinado de Isabel II, acontecerá em Londres e juntará artes de rua, teatro, música, circo, máscaras e tecnologia visual. A 2 de junho, mais de 1500 cidades, vilas e aldeias no Reino Unido, comunidades autónomas e territórios da Commonwealth exibirão um feixe de luz para assinalar a data.

Um "Rio da Esperança" feito de 200 bandeiras de seda será colocado na The Mall, a avenida que desemboca no palácio de Buckingham. Nestas bandeiras, cuja tema serão as alterações climáticas, estarão incorporados desenhos de crianças, que incluirão desejos para os próximos 70 anos.

Isabel II é a regente há mais tempo no trono de Inglaterra e a mulher que ocupa há mais tempo o papel de chefe de Estado. A rainha está ainda em quarto lugar na lista dos monarcas mais longevos da História. O primeiro lugar é ocupado por Luís XIV, que governou 72 anos e 110 dias. Segue-se o rei Bhumibol Adulyadej da Tailândia, que ocupou o trono durante 70 anos e 126 dias, e Johann II, do Liechtenstein, com 70 anos e 91 dias de regência.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.