Há cada vez mais artistas a olhar para o streaming como forma viável de disponibilizar os seus conteúdos sem intermediários. Depois de Bruno Nogueira e Rui Sinel de Cordes o terem feito, é agora a vez dos The Gift que criaram uma aplicação na qual poderá ser reproduzida toda a discografia do grupo e alguns conteúdos exclusivos.

A plataforma chama-se REV e foi lançada na quinta-feira, 21 de janeiro, através de um concerto especial da banda a partir do Cine-Teatro de Alcobaça. E ainda que o grupo tenha aproveitado a celebração dos 25 anos de carreira para lançar o serviço, com um leque variado de material antigo, a promessa é que possam fazer parte da plataforma novos conteúdos originais — cuja disponibilização acontecerá sem intermediários e, por isso, com a total liberdade.

Rui Sinel de Cordes lança-se no streaming depois de "um ano muito custoso"
Rui Sinel de Cordes lança-se no streaming depois de "um ano muito custoso"
Ver artigo

Aqueles que já subscreveram o serviço já têm, desde quinta-feira, acesso aos primeiro episódios de rubricas especiais preparadas pelo grupo. Uma delas chama-se Driving You Slow, e conta com uma entrevista exclusiva e inédita de Sónia Tavares, a vocalista dos The Gift, ao humorista César Mourão. Mas os fãs poderão ainda contar com episódios especiais das rubricas Intecontinental e do podcast Quem É Quem.

A 23 de janeiro estreou-se o formato Mesa Pra 4 cujo único objetivo é sentar os músicos do grupo à mesa e pô-los a conversar sobre as suas descobertas e influências musicais. 

REV vai estar disponível em duas modalidades distintas: a gratuita conta com toda a discografia do grupo enquanto a versão paga reúne conteúdos exclusivos, concertos e outros formatos especiais. Na modalidade paga, há duas opções de pagamento: 24.99€ por seis meses ou uma subscrição de 44.99€ por ano.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.